00:33 24 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    0 31
    Nos siga no

    Chegada diária de refugiados etíopes ao país varia entre dois mil e quatro mil pessoas, segundo o Programa Mundial de Alimentos da ONU.

    O Programa Mundial de Alimentos (PMA), que presta auxílio para a alimentação dos migrantes, diz que atualmente tem estoque suficiente para 60 mil pessoas.

    "Conseguimos preparar alimento para 60 mil refugiados por um período de um mês. Mas é claro, dada a situação atual, revisaremos nosso apoio, pois esperamos 200 mil refugiados", disse Hameed Nuru, porta-voz do PMA, em entrevista coletiva a representantes do Alto Comissariado do Nações Unidas para Refugiados (ACNUR).

    Segundo Axel Bishop, porta-voz do ACNUR, a chegada das 200 mil pessoas deve acontecer ao longo dos próximos seis meses. Atualmente, o Sudão já abriga 36 mil refugiados da Etiópia. A chegada diária de refugiados etíopes ao país varia entre dois mil e quatro mil pessoas.

    Bishop acrescentou que os refugiados sofrem de problemas psicológicos, estresse e medo em decorrência das hostilidades no Tigré. As agências humanitárias das Nações Unidas afirmam precisar de US$ 200 milhões (mais de um bilhão de reais) para fornecer todo o apoio necessário aos refugiados, incluindo comida, abrigo e apoio psicológico.

    Conflito na região de Tigré, na Etiópia, começa a provocar onda de refugiados em direção ao Sudão
    © REUTERS / Tiksa Negeri
    Conflito na região de Tigré, na Etiópia, começa a provocar onda de refugiados em direção ao Sudão

    Os combates no norte da Etiópia começaram no início de novembro depois que o governo federal acusou a Frente Popular para a Libertação de Tigré (FPLT), o partido que controla o poder na região, de atacar uma base militar e lançou uma operação de segurança contra o grupo.

    Os confrontos que se seguiram, que já resultaram em centenas de mortes e forçaram milhares a buscar refúgio em outros países, geraram temores internacionais de uma nova guerra civil no país africano.

    Mais:

    Novo coronavírus chega a campo de refugiados sírios na Jordânia
    Sanções econômicas dos EUA impedem refugiados sírios de voltarem para seu país, diz Assad
    Moscou lamenta posição dos EUA sobre conferência de refugiados em Damasco
    Tags:
    Sudão, Programa Mundial de Alimentos da Organização das Nações Unidas, Programa Mundial de Alimentos, Refugiados, África, Etiópia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar