01:46 26 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    0 14
    Nos siga no

    O governo espanhol planeja estender o acordo militar com os EUA que regulamenta a presença das Forças Armadas norte-americanas nas bases de Rota (Cádiz) e Morón de la Frontera (Sevilha), na Espanha.

    Segundo uma reportagem publicada pelo jornal El País nesta quarta-feira (11), o acordo expira em 21 de maio de 2021, após oito anos de operação. Sua extensão dará tempo para o novo presidente dos Estados Unidos formar sua direção política.

    Segundo a legislação espanhola, se nenhuma das partes comunicar por escrito a sua intenção de rescindir o contrato com seis meses de antecedência, o acordo será automaticamente prorrogado por um ano.

    Durante a presidência de Donald Trump, o governo espanhol aprovou o pedido do Pentágono para substituir quatro destróieres da base de Rota por modelos mais modernos, junto com um esquadrão de helicópteros de ataque. Os EUA também pretendem aumentar o esquadrão com duas embarcações na base espanhola.

    A decisão exigirá uma modificação do acordo e deve ser aprovada no parlamento espanhol.

    Em setembro, o jornal The Washington Post publicou que a base de Cádiz pode se tornar uma das alternativas possíveis para realocar a sede do Comando dos Estados Unidos para a África (Africom) caso fosse decidido removê-la de Stuttgart, na Alemanha.

    Mais:

    Massacre da Idade do Ferro é descoberto na Espanha (FOTOS)
    Maduro: Espanha é o centro da conspiração contra Venezuela
    VÍDEO revela cemitério subaquático que honra 40 monges mortos há 400 anos na Espanha
    Cerca de 50 pessoas são detidas em novo protesto contra isolamento social na Espanha
    Tags:
    cooperação internacional, cooperação estratégica, cooperação militar, cooperação, acordo militar, acordo, frota marítima, base militar, Estados Unidos, Espanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar