13:36 24 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    Mundo enfrenta COVID-19 em meados de outubro (78)
    140
    Nos siga no

    A Alemanha vive hoje uma fase "séria" da pandemia do novo coronavírus e o número de novas infecções está crescendo exponencialmente, disse a chanceler alemã, Angela Merkel.

    Merkel deu a declaração nesta quarta-feira (14) durante coletiva de imprensa após participar de um encontro com governadores estaduais da Alemanha.

    "Estamos em uma fase da pandemia que é séria. Enfrentamos um sério desafio, nossa tarefa é poder rastrear os contatos", afirmou a chanceler.

    Segundo a líder alemã, o crescimento do número de novos casos atingiu uma dinâmica exponencial no país.

    "Já estamos na fase exponencial, como pode ser visto nos dados diários [de novos casos de COVID-19]", disse Merkel.

    A chanceler disse ainda que a Alemanha, por razões econômicas, não poderia se dar ao luxo de decretar um segundo lockdown. O país também vem testemunhando uma série de protestos contra as restrições sociais impostas pelo governo nas principais cidades alemãs. Em várias ocasiões ao longo dos meses de pandemia esses protestos foram acompanhados de confrontos com a polícia e detenções.

    Em Konstanz, na Alemanha, manifestantes protestam contra as restrições sociais impostas pelo governo em meio à pandemia da COVID-19, em 4 de outubro de 2020
    © REUTERS / Arnd Wiegmann
    Em Konstanz, na Alemanha, manifestantes protestam contra as restrições sociais impostas pelo governo em meio à pandemia da COVID-19, em 4 de outubro de 2020

    Assim como em outros países europeus, na Alemanha, o número de novos casos confirmados do novo coronavírus começou a crescer com a chegada do outono. A partir de outubro as taxas diárias de casos do novo coronavírus chegaram aos milhares de registros. Países como Portugal e França anunciaram recentemente novas medidas de combate à pandemia diante do aumento de casos.

    Nas últimas 24 horas, 5,1 mil casos foram confirmados no país. Durante todo o período da pandemia, segundo os dados da Universidade Johns Hopkins, a Alemanha registrou 334 mil casos do novo coronavírus e 9.677 mortes causadas pela COVID-19, com cerca de 281 mil recuperações. No mundo inteiro, os casos registrados já passam dos 38,4 milhões, enquanto as mortes são mais de 1,09 milhão.

    Tema:
    Mundo enfrenta COVID-19 em meados de outubro (78)

    Mais:

    França confirma 2ª onda de coronavírus e anuncia toque de recolher
    'Nos tornamos negligentes': autoridade pede atenção contra aumento de casos de COVID-19 na Alemanha
    Alemanha cede à pressão dos EUA e limita a tecnologia 5G da Huawei no país
    COVID-19: protestos contra restrições sociais entram no 2º dia consecutivo na Alemanha
    Tags:
    COVID-19, Alemanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar