00:57 27 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    114
    Nos siga no

    O canal RT relatou que uma colaboradora foi detida enquanto trabalhava na transmissão para a agência de vídeo Ruptly. De acordo com informações, ela foi isolada sem comunicação.

    "A colaboradora da nossa agência de vídeo Ruptly foi detida em Minsk. Agora, ela está em isolamento, não há qualquer comunicação com ela", informou o RT em canal no Telegram.

    Anteriormente, durante as filmagens da abertura das eleições, outros dois representantes da Ruptly foram detidos.

    "Eles não entram em contato há um dia. Presume-se que estejam detidos em um dos departamentos de polícia de Minsk", observou o RT.

    A editora-chefe da mídia russa Daily Storm, Alyona Sivkova, afirmou que os jornalistas, Anton Starkov e Dmitry Lasenko, foram agredidos em Minsk durante a detenção, ressaltando que diversos jornalistas russos estão sendo detidos na capital bielorrussa.

    A capital da Bielorrússia, Minsk, foi atingida por explosões neste domingo (9). O país registra protestos após as eleições presidenciais.

    De acordo com os primeiros dados das zonas eleitorais, o atual presidente Aleksandr Lukashenko deve conseguir a reeleição sem grandes dificuldades. A oposição, contudo, diz que o pleito foi fraudado.

    Mais:

    Embaixada da Rússia condena 'ataques' do Pentágono contra RT e Sputnik
    Correspondente do RT fica gravemente ferida durante reportagem na Síria
    EUA planejam adquirir sistemas de armamento a países da ex-União Soviética, segundo RT
    Tags:
    manifestantes, polícia, isolamento, detenção, eleições, protestos, Bielorrússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar