10:33 12 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    7824
    Nos siga no

    A ministra de Defesa da Alemanha, Annegret Kramp-Karrenbauer, quer que a União Europeia (UE) tenha uma "bússola estratégica" única quanto ao tema Rússia, segundo a revista alemã Der Spiegel.

    A ministra afirmou nesta terça-feira (14) no Parlamento Europeu que a Alemanha planeja usar sua presidência da UE para que os 27 países analisem a ameaça comum que a Rússia pode estar representando ao bloco.

    Espera-se que o documento esteja pronto até o final do ano, e assim ele servirá de estrutura para a "bússola" que moldará a política de toda a UE em relação à Rússia a partir de 2022.

    Até agora, os Estados membros da UE estavam livres para determinar a segurança nacional e as políticas externas, mas a ministra se queixou dessa abordagem fragmentada da Rússia, que vem criando divisões dentro da UE, inclusive na extensão de sanções.

    Presidente dos EUA, Donald Trump, e a chanceler alemã Angela Merkel, durante cerimônia em Paris, França, 11 de novembro de 2018
    © AP Photo / Francois Mori
    Presidente dos EUA, Donald Trump, e a chanceler alemã Angela Merkel, durante cerimônia em Paris, França, 11 de novembro de 2018

    A fala de Annegret Kramp-Karrenbauer vem no mesmo dia em que a chanceler alemã Angela Merkel declarou que a defesa da Europa pelos EUA, que vigora desde o fim da Segunda Guerra Mundial, não é mais algo que pode ser dado como certo.

    "É preciso dizer que 30 anos após a reunificação da Alemanha, 30 anos após o fim da Guerra Fria, o mundo está se posicionando de uma nova maneira. O que tínhamos como certo, por exemplo, que os EUA defenderiam a União Europeia, não é mais evidente, está mudando", disse ela.

    As divisões entre europeus e os EUA já chegaram à OTAN, organização na qual o presidente estadunidense Donald Trump não poupou críticas ao dizer que os países-membros não estariam investindo os 2% do seus PIBs, devendo assim bilhões em pagamentos.

    Mais:

    Da Rússia para Alemanha: gasoduto Nord Stream 2 vai operar até o final de 2020, diz ministro
    Inspetores russos realizarão vistoria em base militar dos EUA na Alemanha
    EUA sancionam hoje 'Irã e Venezuela' e amanhã 'China, Rússia e Alemanha', afirma parlamentar
    Tags:
    OTAN, Donald Trump, Angela Merkel, Annegret Kramp-Karrenbauer, russofobia, defesa, União Europeia, Europa, Alemanha, Estados Unidos, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar