04:23 20 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    Situação do mundo com COVID-19 em meados de junho (50)
    0 30
    Nos siga no

    Médicos e enfermeiros começaram a protestar em Paris por melhores condições de trabalho e financiamento no mês passado. Desde então, manifestações regulares vêm sendo realizadas em vários hospitais da França às quintas-feiras.

    Profissionais de saúde e ativistas do movimento Attac realizaram uma marcha hoje (11) pelas ruas da capital francesa para exigir mais apoio do poder público na luta contra o surto do novo coronavírus no país. A manifestação foi registrada em vídeo por um correspondente da Sputnik presente no local. 

    A França começou a suspender suas medidas de isolamento social ainda em maio, reabrindo aos poucos instalações educacionais, locais de entretenimento, cafés e restaurantes, nas chamadas regiões verdes do país, que são as menos afetadas pela pandemia da COVID-19. As áreas vermelhas, onde o novo coronavírus permanece ativo, seguem sob medidas restritivas.

    De acordo com o Centro de Recursos de Coronavírus da Universidade Johns Hopkins, ao menos 192.068 pessoas foram contaminadas pela COVID-19, das quais 29.322 acabaram falecendo.

    Tema:
    Situação do mundo com COVID-19 em meados de junho (50)

    Mais:

    França nega que EUA, apesar de financiamento, terão privilégios em vacina contra COVID-19
    França anuncia suspensão do uso de hidroxicloroquina no tratamento da COVID-19
    França calcula 800 mil novos desempregados nos próximos meses
    Tags:
    COVID-19, novo coronavírus, epidemia, pandemia, surto, doença, manifestação, protesto, saúde, Paris, França
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar