03:46 05 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    580
    Nos siga no

    Compilação de imagens de dois hospitais da capital da Espanha mostram pacientes com coronavírus tossindo e em condições precárias.

    Os locais mostrados são os hospitais Infanta Leonor e Severo Ochoa de Leganés, ambos em Madri.

    Desde doentes sentados em cadeiras com aparelhos respiratórios até infectados pelo coronavírus no chão dos corredores, sendo que o hospital Severo Ochoa está com lotação três vezes maior que sua capacidade, publicou o portal El Mundo.

    "Tem gente sem cama, sentada em cadeiras de plástico faz mais de 30 horas [...] Vi uma pessoa no chão entre duas cadeiras", declarou à mídia o líder sindicalista Javier García.

    O vídeo, feito pelos corredores de ambos os hospitais, foi publicado no YouTube, como visto abaixo.

    Situação 'desumana'

    A mídia também visitou o Hospital 12 de Octubre, também em Madri.

    "Necessitamos de ajuda, isto é desumano [...] Não sei se as autoridades sabem o que está passando nos hospitais. Faz muito tempo que estamos indo para trás. Estamos em uma situação em que a demanda supera os recursos e, por isso, peço a intervenção dos militares, que têm experiência nestes temas", declarou um médico da unidade hospitalar.

    Enquanto isso, o governo espanhol soma esforços para criar novos pontos de atendimento às vítimas do coronavírus no país.

    Estes estão sendo preparados em hotéis, tais como o Marriott Auditorium e o Ayre Gran Hotel Cólon.

    Propagação muito rápida

    Hoje (24), o El País noticiou que a pandemia tem se espalhado pela Espanha mais rápido do que na Itália.

    Nas últimas 24 horas mais 462 mortes foram registradas, elevando o número total de vítimas fatais para 2.182.

    Mais:

    Pentágono comenta impacto do coronavírus na prontidão das forças norte-americanas
    Embaixador russo nos EUA pede fim da desinformação antirrussa sobre coronavírus
    Colômbia impõe quarentena de 3 semanas para conter o novo coronavírus
    Tags:
    doença, pacientes, hospital, pandemia, Espanha, novo coronavírus
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar