10:04 08 Abril 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    110
    Nos siga no

    A Áustria e a Croácia registraram os seus primeiros casos de coronavírus em seus territórios, ambos próximos da Itália, onde a doença segue avançando com maior velocidade do que em outros países europeus.

    Uma porta-voz da autoridade sanitária da província do Tirol, que faz fronteira com a Itália, informou nesta terça-feira que os dois primeiros casos foram registrados na área.

    Os pacientes são dois italianos que vivem na província do Tirol e provavelmente foram infectados em uma viagem à região italiana da Lombardia, disse o governador do Tirol, Guenther Platter, segundo a mídia local.

    Tirol e Caríntia são as duas províncias austríacas que fazem fronteira com o norte da Itália.

    A emissora de TV ORF declarou que os dois homens de 24 anos haviam se reportado às autoridades. Eles estavam com febre leve e estão atualmente isolados em um hospital de Innsbruck.

    Novo caso nos Balcãs

    O primeiro-ministro da Croácia anunciou nesta terça-feira o primeiro caso confirmado de seu país do novo coronavírus, o primeiro na região dos Balcãs.

    Modelo estruturalmente representativo de betacoronavírus que é o tipo de vírus ligado à doença COVID-19, causada pelo novo coronavírus
    © REUTERS / Comunicação Científica NEXU
    Modelo estruturalmente representativo de betacoronavírus que é o tipo de vírus ligado à doença COVID-19, causada pelo novo coronavírus
    "Foi confirmado que o primeiro paciente foi infectado pelo vírus COVID-19", disse o primeiro-ministro Andrej Plenkovic em entrevista coletiva em um hospital em Zagreb. O paciente é um jovem "com sintomas leves" e que retornou recentemente da Itália, acrescentou.

    O ministro da Saúde, Vili Beros, disse que o homem estava em Milão entre 19 e 21 de fevereiro.

    "Por enquanto, ele mostra sinais de uma doença mais branda e esperamos que continue assim", afirmou Beros.

    A Itália, que fica separada da Croácia pelo mar Adriático, sofreu um grande aumento nos casos nos últimos dias - de 6 para mais de 283 desde sexta-feira. Até agora, sete pessoas morreram depois de pegar o vírus, todas idosas ou com condições pré-existentes.

    Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a epidemia atingiu seu epicentro na China, onde matou mais de 2.600 pessoas e infectou mais de 80.000 outras. Mas a situação piorou em outros lugares, com quase 2.700 outros casos e mais de 40 mortes em todo o mundo.

    Mais:

    Trump vai pedir US$ 1 bilhão ao Congresso dos EUA para tratar do coronavírus, diz jornal
    Bolsas de valores afundam e economia global entra em pânico por causa do coronavírus
    Avião é desviado para Ancara por receio de passageiro com suspeita de coronavírus (VÍDEO)
    Tags:
    Balcãs, Mar Adriático, OMS, saúde, Europa, China, Itália, Croácia, Áustria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar