13:00 14 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Carros da polícia na Ponte de Londres após ataque terrorista, 29 de novembro de 2019

    Ataque em Londres deixa 2 mortos, além de feridos

    © REUTERS / Peter Nicholls
    Europa
    URL curta
    214
    Nos siga no

    Ao menos 2 pessoas foram mortas em um ataque terrorista nesta sexta-feira (29) em Londres. O prefeito da capital britânica, Sadiq Khan, disse que algumas das pessoas que foram feridas se encontram em estado grave.

    Em conversa com jornalistas após o incidente de mais cedo, o prefeito confirmou que o agressor foi morto a tiros pela polícia após esfaquear "um número de pessoas" na região central da cidade. Segundo publicou o jornal The Guardian, pelo menos 2 pessoas foram mortas no ataque.

    As informações são de que o agressor estaria usando um colete com explosivos, possivelmente falso. 

    "Foi confirmado que várias pessoas ficaram feridas, algumas gravemente", declarou o prefeito, segundo a AFP. 

    A segurança pública é a nossa principal prioridade e melhoraremos as patrulhas policiais na cidade e em torno de Londres. Instamos o público a permanecer calmo, mas esteja alerta e vigilante.​

    O caso está sendo tratado oficialmente como um ataque terrorista pelas autoridades. 

    "O terrorismo é covarde e maligno. Nós devemos e nós iremos permanecer unidos e resolutos diante do terror. Aqueles que procuram nos atacar e nos dividir nunca terão sucesso", disse Sadiq Khan, citado pelo Mirror Online. 

    Em vídeo compartilhado pela BBC, o prefeito enalteceu o heroísmo dos cidadãos que ajudaram a polícia a conter o suspeito, cuja identidade ainda não foi divulgada.

    Mais:

    Mídia: Mesquita dos Sete Reis é cercada em Londres após relatos de tiroteio
    'Explosão controlada' de bomba nazista causa dano em Londres (FOTOS)
    Polícia de Londres corre para desativar bomba e acaba encontrando 'espírito natalino' (FOTO)
    Tags:
    london bridge, Grã-Bretanha, terrorista, terrorismo, ataque, Reino Unido, Inglaterra, Londres, Sadiq Khan
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar