15:27 22 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Militar das forças especiais durante exercícios táticos no polígono de Dubrovka, Rússia

    Provocação contra Rússia? Refutada existência de 'forças especiais russas' na Noruega

    © Sputnik / Aleksandr Galperin
    Europa
    URL curta
    2261
    Nos siga no

    O site norueguês AldriMer publicou no dia 27 de setembro uma notícia de que foram encontrados combatentes de forças especiais russas na Noruega continental, bem como no arquipélago Svalbard.

    Fontes de serviços secretos noruegueses e da OTAN foram citadas pelo site, que afirmou que militares russos efetuaram reconhecimentos de campo nas áreas acima mencionadas e analisaram instalações importantíssimas.

    No entanto, a embaixada russa em Oslo declarou que a notícia sobre "forças especiais russas na Noruega" não corresponde à realidade.

    "Só podemos caracterizá-la como provocação grosseira. Consideramos a publicação parte do trabalho sistemático realizado na Noruega por certos círculos para plantar a imagem de inimigo na Rússia", afirmou a embaixada russa.

    Como abafar gastos excessivos da Noruega?

    Diplomatas russos sublinharam que se trata de uma "tentativa desajeitada" norueguesa de justificar seu aumento nos gastos da Defesa. Métodos assim "não correspondem à ética jornalística", concluiu a embaixada.

    O arquipélago Svalbard está localizado no oceano Ártico entre os paralelos 76º e 80º e é dono de um status jurídico internacional especial.

    O Tratado de 1920 estabeleceu a soberania da Noruega neste território, e os países-membros do Tratado (incluindo a Rússia) têm o direito de explorar os recursos naturais e as águas territoriais. Atualmente, a Rússia continua sendo o único país presente nas ilhas, além da Noruega.

    Mais:

    Lituânia pretende suspender acesso ao site da Sputnik
    Ministério da Defesa: não há nem houve forças terrestres russas na Síria
    EUA manifestam interesse em reforçar cooperação com Dinamarca no Ártico
    Tags:
    forças especiais, Noruega, Rússia, provocação
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar