15:07 20 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Lisboa, Portugal

    Portugal suspende vistos para iranianos por 'razões de segurança'

    © Sputnik / Vladimir Astapkovich
    Europa
    URL curta
    317
    Nos siga no

    Portugal suspendeu a emissão de vistos de entrada para cidadãos iranianos por razões de segurança não especificadas, disse o ministro das Relações Exteriores, Augusto Santos Silva, nesta terça-feira (16).

    Respondendo a uma pergunta de um parlamentar em um comitê, Santos Silva disse durante a reunião transmitida pela televisão: "Sim, nós os suspendemos por razões de segurança... Eu irei fornecer explicações mais tarde, mas não publicamente".

    "Portugal não brinca com a entrada em seu território", acrescentou, sem revelar quando a decisão foi tomada.

    O presidente do comitê encerrou a reunião após cerca de duas horas e não houve depoimentos posteriores. João Gonçalves Pereira, o parlamentar do partido conservador CDS-PP que fez a pergunta, disse à Reuters: "Recebemos informações de que os vistos para os iranianos haviam sido suspensos por duas ou três semanas, e só queríamos confirmar isso".

    Ele não quis dizer qual era a fonte daquela informação original ou se algum cidadão iraniano havia reclamado da situação.

    Questionado por repórteres depois do comitê, o ministro Santos Silva disse que a suspensão "não tem nada a ver com a qualidade das relações bilaterais de Portugal com Teerã".

    "Foi uma suspensão temporária e esperamos retomar em breve", acrescentou, citado pela agência noticiosa portuguesa Lusa.

    Ninguém estava disponível para comentar na embaixada iraniana em Lisboa.

    Mais:

    Forças de Israel são 'único Exército no mundo' preparado para lutar contra Irã, segundo Netanyahu
    Irã pode lançar retaliação 'devastadora' se for atacado, declara comandante iraniano
    França reage a detenção de pesquisadora franco-iraniana no Irã
    França propõe que EUA suspendam sanções contra o Irã, diz emissora
    Líder supremo do Irã diz que prisão do navio iraniano em Gibraltar não vai ficar 'sem respostas'
    Tags:
    Irã, Portugal
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar