08:24 24 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    Primeiro-ministro da Grécia, Alexis Tsipras (arquivo)

    Tsipras pede convocação de novas eleições gerais na Grécia

    © REUTERS / Alkis Konstantinidis
    Europa
    URL curta
    0 10

    O primeiro-ministro da Grécia, Alexis Tsipras, anunciou neste domingo que pretende convocar novas eleições gerais no país depois do dia 2 de junho, quando ocorrerá o segundo turno das eleições locais.

    "Após o segundo turno das eleições locais (em 2 de junho), pedirei ao presidente que convoque imediatamente eleições nacionais", disse Tsipras em um discurso televisionado no domingo, citado pela AFP.

    Mais cedo neste domingo, o líder do partido de oposição da Nova Democracia da Grécia, que lidera as eleições para o Parlamento Europeu, Kyriakos Mitsotakis, pediu a renúncia de Alexis Tsipras:

    "O primeiro-ministro deve assumir a responsabilidade e ele deve renunciar, e o país vai se dirigir às eleições nacionais o mais rápido possível", disse Mitsotakis.

    O partido liberal-conservador da Nova Democracia está ganhando 33,07 por cento dos votos e atualmente está à frente do partido Syriza, liderado por Tsipras, por 9 pontos, segundo resultados preliminares divulgados pelo Ministério do Interior.

    Das 7h às 19h, mais de 39.000 locais de votação foram abertos em toda a Grécia. Os gregos elegeram 21 membros do Parlamento Europeu, chefes de 13 regiões e de 332 municipalidades, 703 conselheiros regionais e quase 10.000 conselheiros municipais.

    Mais:

    Bolha da União Europeia pode estourar em 2019 com 'nova Grécia', diz analista britânico
    Premiês da Grécia e da Bulgária exigem que UE detalhe política de migração do bloco
    Tags:
    eleições, Parlamento Europeu, Syriza, Nova Democracia, Kyriakos Mitsotakis, Alexis Tsipras, Atenas, Grécia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar