01:31 12 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Ministro das Relações Exteriores do Reino Unido, Boris Johnson (foto de arquivo)

    Boris Johnson diz que 'com certeza' vai concorrer ao cargo de premiê britânico

    © REUTERS / Mary Turner
    Europa
    URL curta
    214
    Nos siga no

    O parlamentar britânico Boris Johnson, uma das principais vozes durante a campanha do Brexit (processo de saída do Reino Unido da União Europeia), informou que vai concorrer ao cargo de primeiro-ministro após a renúncia de Theresa May, anunciada na manhã desta sexta-feira (24).

    Johnson fez o comunicado durante conferência na Suíça, horas depois de May ter afirmado que deixará o cargo no fim de junho. Johnson se dirigiu à premiê, dizendo que ela foi "paciente e estoica" ao enfrentar todas as dificuldades relacionadas à saída do Reino Unido da União Europeia.

    Segundo o parlamentar, o próximo premiê britânico também pode recuperar as negociações estagnadas com a UE sobre um acordo para o Brexit.

    "Um novo líder terá a oportunidade de fazer as coisas de modo diferente e ter o ímpeto de uma nova administração", acrescentou.

    Durante seu discurso de renúncia, May disse que vinha sofrendo uma forte pressão para deixar o cargo — inclusive dentro do seu próprio partido.

    "Eu fiz tudo o que eu podia para convencer os parlamentares a apoiarem esse acordo [do Brexit]. Infelizmente eu não fui capaz de fazer isso. Eu tentei três vezes. Então, hoje eu anuncio que estou deixando a liderança do Partido Conservador e o governo na sexta-feira, 7 de junho. Então, um sucessor pode ser escolhido", disse May.

    A primeira-ministra britânica, que tem 62 anos, ficou quase três anos no poder.

    Tags:
    primeiro-ministro, Boris Johnson, Reino Unido
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar