00:38 26 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    O então candidato à presidência da Ucrânia e atual vencedor das eleições, Vladimir Zelensky, comemora os resultados do segundo turno da votação

    Presidente eleito da Ucrânia propõe discutir novas condições de coexistência com Rússia

    © Sputnik / Stringer
    Europa
    URL curta
    1160

    O presidente eleito da Ucrânia, Volodimir Zelensky, declarou que está disposto a discutir as novas condições de coexistência da Ucrânia e da Rússia.

    "Eu direi novamente que estou preparado para as negociações… Da nossa parte, estamos prontos para discutir as novas condições de coexistência da Ucrânia e da Rússia", escreveu ele em sua conta no Facebook.

    O presidente eleito da Ucrânia declarou sua disposição de manter negociações e de realizar uma troca de prisioneiros no formato "todos por todos".

    Ele também manifestou a esperança de que Moscou demonstre sua disposição para solucionar o conflito no leste da Ucrânia durante a próxima reunião do Quarteto da Normandia (França, Alemanha, Ucrânia e Rússia).

    "A confirmação concreta desta dessa disposição seria a troca de prisioneiros de acordo com a fórmula todos por todos", escreveu Zelensky.

    Após a apuração dos 100% das cédulas, Zelensky venceu o segundo turno das eleições na Ucrânia, realizado em 21 de abril, com 73,22% dos votos, segundo dados publicados pela Comissão Eleitoral do país.

    O atual presidente do país, Pyotr Poroshenko, recebeu o voto de 24,45% dos eleitores.

    Mais:

    Ex-presidente Yanukovich quer regressar para Ucrânia após vitória de Zelensky
    OTAN garante 'forte apoio' político à Ucrânia após eleição de novo presidente
    Contatos entre Putin e novo presidente da Ucrânia não estão previstos, informa Moscou
    Ucrânia: Poroshenko concede derrota e promete ajudar em aproximação com OTAN e UE
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar