05:11 16 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Julien Assange mostra seu gato na Embaixada do Equador em Londres

    O que aconteceu com o gato de Assange?

    © REUTERS / Courtesy of WikiLeaks
    Europa
    URL curta
    420
    Nos siga no

    O bichano está bem. O "Gato da Embaixada" foi entregue a familiares do ciberativista Julian Assange no final de 2018, informou o ministro das Relações Exteriores do Equador José Valencia.

    Ele morava com o ciberativista Julian Assange na embaixada do Equador em Londres desde 2016 e ganhou até mesmo sua própria conta no Twitter.

    O felino foi causa de divergência entre o fundador do WikiLeaks e as autoridades equatorianas. 

    Assange foi detido nesta quinta-feira (11) após passar 7 anos na embaixada equatoriana porque Quito suspendeu seu asilo. O presidente do Equador, Lenín Moreno, acusa Assange de violar o acordo de convivência para garantir permanência dele na embaixada.

    Mais:

    Congressistas dos EUA acusam Assange de interferir nas eleições e trabalhar com a Rússia
    Associação Brasileira de Imprensa condena prisão de Assange: 'ato arbitrário'
    Preso em Londres, livre no Twitter: Julian Assange recebe mais de 1 milhão de tweets
    Assange: advogada diz que presidente do Equador prestou desserviço aos direitos humanos
    Advogado da OAB: Equador cedeu a pressões imperialistas para suspender asilo de Assange
    Tags:
    WikiLeaks, Julian Assange
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar