19:30 16 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Catedral de Salisbury

    Provocação ou paranoia? Enorme bandeira russa surge na catedral de Salisbury (FOTOS)

    CC0
    Europa
    URL curta
    1261

    A cidade inglesa de Salisbury, onde um agente duplo russo foi vítima de envenenamento, ganhou novamente destaque nos noticiários.

    Isso porque a cidade acordou com uma visão peculiar: uma enorme bandeira da Rússia ondulando na sua catedral, famosa por seu campanário de 123 metros.

    Segundo a estação de rádio local, a bandeira foi descoberta na manhã deste domingo (17). Aparentemente, alguém escalou o andaime instalado no prédio da catedral para desfraldar a bandeira durante a noite.

    "Acredito que posso ter visto a pessoa que hasteou a bandeira. Passei pela catedral às 18h30 [15h30] quando estava voltando do trabalho", afirmou um morador local à estação de rádio.

    ​Bandeira russa hasteada na catedral de Salisbury nesta manhã, mas foi rapidamente removida.

    O fato repercutiu nas redes sociais, onde diversos usuários postaram fotos da Catedral com a bandeira russa.

    Os russos estão voltando… A bandeira russa em exibição no andaime da catedral.

    John Glen, membro do parlamento britânico por Salisbury, também reagiu ao incidente.

    ​Felizmente isso já foi removido, que acrobacia estúpida, zombando dos sérios e tristes eventos que ocorreram em Salisbury no ano passado.

    A finalidade da ação ainda é desconhecida, ou seja, não se sabe se foi um ato de protesto contra a Rússia ou uma peculiar ação de apoio à Rússia.

    Uma enorme bandeira russa foi retirada da catedral de Salisbury após surgir no andaime durante a noite. Isso é uma brincadeira ou uma provocação?

    Ultimamente, a catedral de Salisbury recebeu muita atenção devido aos eventos que ocorreram no ano passado, quando um ex-agente duplo, Serguei Skripal, sua filha e outras duas pessoas foram envenenados.

    Na ocasião, Londres afirmou prontamente que eles haviam sido envenenados por um agente nervoso militar, acusando Moscou de organizar o assassinato.

    Entretanto, Moscou negou qualquer ligação com o caso, destacando que não há qualquer prova das alegações apresentadas por Londres.

    Mais:

    UE sanciona funcionários da inteligência russa devido a caso Skripal
    Londres destrói constantemente provas no caso Skripal, diz chefe da inteligência russa
    Polícia britânica divulga novos vídeos de suspeitos de envenenar os Skripal
    Tags:
    catedral, bandeira, escândalo, espionagem, Reino Unido
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar