00:27 17 Fevereiro 2019
Ouvir Rádio
    Secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo (imagem de arquivo)

    Pompeo pede que Hungria não deixe a Rússia dividir o Ocidente

    © flickr.com/ Gage Skidmore
    Europa
    URL curta
    0 116

    O secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, advertiu a Hungria nesta segunda-feira de que a Rússia está tentando dividir o Ocidente, enquanto seu colega húngaro Peter Szijjarto criticava os laços de Budapeste com Moscou como "enorme hipocrisia".

    "Não devemos deixar [o presidente russo Vladimir] Putin dirigir intrigas entre amigos na OTAN", declarou Pompeo em entrevista coletiva com Szijjarto em Budapeste.

    Entretanto, o chanceler húngaro disse que as críticas ocidentais à diplomacia húngara foram equivocadas, já que outras nações europeias estavam envolvidas em acordos de energia com a Rússia.

    A coletiva detalhou um acordo assinado entre os dois países para cooperação em defesa.

    "Peter e eu estamos felizes em anunciar a conclusão do acordo de cooperação em defesa", ponderou Pompeo.

    Além disso, a autoridade estadunidense anunciou que os Estados Unidos aumentarão sua presença na Europa Central através de novas iniciativas culturais, econômicas e de segurança.

    "Estamos aumentando o apoio a vínculos interpessoais, eventos e intercâmbios […] Também estamos aumentando o apoio para ajudar a Hungria em sua luta contra a corrupção, fortalecendo a cooperação de aplicação da lei e proporcionando treinamentos e intercâmbios", completou.

    Mais:

    Aliado de Bolsonaro, líder da Hungria promete 'combater' Macron na UE
    EUA se decepcionam com recusa da Hungria de extraditar suspeitos russos
    Chanceler da Hungria: Plano da UE para distribuir migrantes aumentará ameaça de terrorismo
    Tags:
    russofobia, relações bilaterais, diplomacia, cooperação, União Europeia, OTAN, Mike Pompeo, Peter Szijjarto, Estados Unidos, Hungria, Ocidente, Europa, Rússia