17:34 14 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Chanceler da Alemanha Angela Merkel discursando numa conferência de imprensa

    Perto da saída, Merkel é eleita a mulher mais poderosa do mundo pela Forbes

    © AP Photo / Michael Sohn
    Europa
    URL curta
    301

    A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, foi colocada pela revista Forbes no topo de sua lista anual das mulheres mais poderosas do mundo, apesar da líder alemã caminhar para um fim de uma era no comando do país europeu.

    A lista da Forbes também inclui nomes conhecidos da política, como a primeira-ministra britânica Theresa May e Christine Lagarde, diretora do Fundo Monetário Internacional (FMI), entre as três primeiras.

    A líder de longa data da Alemanha conseguiu conquistar a classificação de prestígio apesar de seus planos de deixar a política em 2021, quando o seu atual mandato termina.

    A governadora do Banco Central da Rússia, Elvira Nabiullina, ocupa a 49ª posição, enquanto a conselheira do presidente dos EUA, Ivanka Trump, ocupa a 24ª posição, logo atrás da rainha Elizabeth II.

    Além de muitos políticos e executivos de todo o mundo, a lista da Forbes também inclui artistas famosos dos Estados Unidos, como Oprah Winfrey, Beyoncé e Taylor Swift, a pessoa mais jovem no ranking deste ano.

    Presente em um passado recente na lista, o Brasil não teve nenhum nome mencionado pela Forbes na relação deste ano.

    Mais:

    Putin e Merkel dicutem ações para comitê constitucional da Síria
    Não me chamem: Áustria descarta integrar exército europeu de Macron e Merkel
    Merkel se diz 'feliz' por acordo entre União Europeia e Reino Unido por Brexit
    Tags:
    mulheres, lista, política, Forbes, FMI, Ivanka Trump, Elizabeth II, Theresa May, Elvira Nabiullina, Angela Merkel, Christine Lagarde, Estados Unidos, Europa, Alemanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik