10:47 13 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Vista de Istambul e da Ponte do Bósforo na Turquia. (Arquivo)

    Kiev quer fechamento do estreito de Bósforo para navios russos após incidente no mar Negro

    © AP Photo / Emrah Gurel
    Europa
    URL curta
    Violação da fronteira russa por navios ucranianos (53)
    16327

    Kiev pretende apelar à comunidade internacional para fechar o estreito de Bósforo a navios russos após o recente incidente no estreito do Kerch, disse o comandante da Marinha ucraniana, Igor Voronchenko.

    O comandante ucraniano fez essa declaração na segunda conferência internacional sobre segurança marítima.

    "Eu, como comandante das forças navais, peço e expresso a minha confiança de que a comunidade mundial irá decidir e reconhecer que foi realizada uma agressão contra o Estado da Ucrânia […] Vamos tentar pedir o fechamento do estreito de Bósforo na República da Turquia", informou o jornal ucraniano UNIAN.

    O presidente russo, Vladimir Putin chamou o incidente no estreito de Kerch de provocação, observando que, entre os membros da tripulação dos navios ucranianos que violaram a fronteira russa, havia dois agentes dos serviços secretos da Ucrânia, que na realidade lideraram esta operação especial.

    Ao mesmo tempo, Putin salientou que os guardas de fronteira russos cumpriram sua obrigação de proteger a fronteira nacional. De acordo com ele, a provocação foi organizada pelo presidente ucraniano Pyotr Poroshenko nas vésperas das eleições presidenciais, frente à sua baixa popularidade entre os eleitores.

    Em 25 de novembro três navios da Marinha ucraniana, Berdyansk, Nikopol e Yany Kapu, violando os artigos 19 e 21 da Convenção da ONU sobre o direito marítimo, cruzaram a fronteira da Rússia. Os navios realizaram manobras perigosas durante várias horas sem reagir às exigências das embarcações russas que os acompanhavam.

    Foi tomada a decisão de usar armas. Os navios ucranianos e 24 marinheiros foram detidos. Durante o incidente, três militares ucranianos ficaram levemente feridos. Eles receberam assistência médica e não correm risco de vida. A Rússia abriu um processo criminal por violação da fronteira.

    Tema:
    Violação da fronteira russa por navios ucranianos (53)

    Mais:

    Rússia: documentos encontrados provam que Marinha ucraniana pretendia organizar escândalo
    Kiev esperava morte de marinheiros no estreito de Kerch, supõe cientista político
    Presidente ucraniano espera que OTAN envie navios ao mar Negro
    Tags:
    provocação, navios, Igor Voronchenko, Vladimir Putin, Pyotr Poroshenko, Turquia, Estreito de Bósforo, mar Negro, Estreito de Kerch, Rússia, Ucrânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik