14:31 19 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Militares da Guarda Nacional da Ucrânia se treinam conforme os padrões da OTAN (foto de arquivo)

    Presidente ucraniano diz que país 'é de fato o flanco oriental da OTAN'

    © Sputnik / Stringer
    Europa
    URL curta
    9210

    O presidente ucraniano Pyotr Poroshenko qualificou a entrega de duas lanchas de patrulha obsoletas da Marinha dos EUA ao seu país de confirmação de "como a Ucrânia é importante para o futuro de todo o mundo livre", bem como de gesto de apoio à Ucrânia, sendo esta um "flanco da OTAN".

    Nesta quinta-feira (27), a Guarda Costeira dos EUA entregou a Kiev duas lanchas usadas, Cutters Drummond e Cushing, da classe Island. Ao mesmo tempo, o ex-comandante da Frota do Mar Báltico, Vladimir Valuev, acredita que esses navios não reforçarão de forma nenhuma a Marinha ucraniana, mas apenas criarão problemas, e que no futuro terminarão em um "cemitério de navios".

    Ao visitar a base militar estadunidense de Baltimore, Poroshenko sublinhou a importância da "doação" americana para Kiev.

    "A Ucrânia é de fato o flanco oriental da OTAN, e esse gesto de apoio reforçou a cooperação entre os nossos países na área da defesa", disse o presidente, citado pela sua assessoria de imprensa.

    Em 2014, a Suprema Rada da Ucrânia aprovou emendas legislativas, segundo as quais o país deixou de ser não-alinhado. Em junho de 2016, foram aprovadas outras mudanças que estabeleceram a adesão à OTAN como um dos objetivos da política externa do país. Aliás, até 2020 Kiev se comprometeu a garantir a compatibilidade das suas Forças Armadas com as da OTAN.

    O ex-secretário-geral da OTAN Anders Fogh Rasmussen disse mais cedo que, para integrar a aliança, a Ucrânia teria que alcançar uma série de critérios, o que não seria um processo rápido.

    Mais:

    Chefe da OTAN revela diálogo com a Rússia sobre exercícios e polêmica base na Polônia
    Militares da OTAN passam frio durante exercícios na Noruega
    Caças da OTAN escoltam aviões russos sobre Báltico
    Tags:
    bloco militar, lanchas, OTAN, Pyotr Poroshenko, EUA, Ucrânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik