03:19 23 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Malmo, Sweden

    Cidade sueca cancela eventos políticos após segundo tiroteio em 3 meses

    © flickr.com /
    Europa
    URL curta
    111

    As autoridades da cidade de Malmo, no sul da Suécia, chamaram de volta os chamados "embaixadores democráticos" depois que os jovens, que circulavam pela área instruindo os moradores sobre a importância de aparecer na próxima votação, foram surpreendidos por um tiroteio pela segunda vez desde julho, informou a Rádio Sueca.

    Na terça-feira, poucos segundos depois que um homem foi baleado no distrito de Hermodsdal, em Mälmo, um grupo de jovens voluntários chegou para conversar com os moradores locais para aumentar a participação nas eleições, mas a infeliz coincidência os deixou "traumatizados".

    "Eles estavam especialmente visando os eleitores de primeira viagem", disse Mirlinda Abazaj, líder do projeto para a organização beneficente Rosengård Tjejer i Förening, à Rádio Sueca.

    A má sorte aparentemente começou mais cedo, quando vinte dos embaixadores da democracia de Malmo estavam conversando com as pessoas em 3 de julho, quando um homem foi morto a tiros na praça de outro distrito de Malmo, Nydala.

    Abazai notou que um deles estava no local de ambos os tiroteios, enquanto o líder do projeto debatia a ameaça de violência armada. O conselho da cidade decidiu cancelar pelo menos dois eventos planejados relacionados a eleições ao ar livre.

    As eleições gerais na Suécia estão programadas para o domingo, 9 de setembro, quando os cidadãos votarão nas vagas parlamentares, com os membros do parlamento escolhendo posteriormente o primeiro-ministro.

    Com os social-democratas, que estiveram no poder no país escandinavo durante a maior parte do século 20, caminhando para uma "catástrofe eleitoral", levando em conta o baixo apoio histórico do partido, espera-se que a eleição geral implemente mudanças de poder na luz de nova ênfase colocada em questões de imigração e afins.

    Tags:
    Rádio Sueca, Rosengård Tjejer i Förening, Mirlinda Abazaj, Suécia, Nydala, Malmo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik