00:10 25 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Eurofighter Typhoon S da Força Aérea da Alemanha

    Força Aérea da Alemanha substituirá a França na segurança dos países bálticos

    CC BY 2.0 / Eurofighter Typhoon S Germany Air Force / https://www.flickr.com/people/14035760@N03
    Europa
    URL curta
    222

    A cerimônia de transferência para a Alemanha da missão da OTAN para garantir espaço aéreo sobre os países bálticos será realizada nesta quinta-feira na base aérea de Emari, perto de Tallinn, informou o serviço de imprensa do Ministério da Defesa da Estônia.

    "Os pilotos da Força Aérea Alemã e quatro caças Eurofighter Typhoon substituirão o contingente da Força Aérea Francesa por quatro caças Mirage 2000-5", disse a entidade.

    Os países bálticos não têm equipamentos capazes de realizar essa patrulha, por isso desde abril de 2004, depois de ingressar na OTAN, fazem esse trabalho aviões de outros Estados da Aliança, que têm suas bases no aeródromo de Zokniai, a cinco quilômetros de distância da cidade lituana de Sialiai, e em Emari, uma cidade perto da capital da Estônia, Tallinn.

    O apoio da OTAN na segurança é uma demanda frequente dos países bálticos, que enxergam na Rússia uma ameaça às suas soberanias – temor frequentemente rechaçado por Moscou.

    Mais:

    Depois de disparo acidental, caças espanhóis voltam a agir no Báltico
    OTAN e o Japão realizaram manobras conjuntas no mar Báltico
    Jornalista: tropas norte-americanas tiveram ordem de se entrincheirar no Báltico
    Tags:
    aliança militar, defesa, segurança, russofobia, OTAN, Rússia, Países Bálticos, Estônia, França, Alemanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik