16:57 23 Junho 2018
Ouvir Rádio
    Bandeiras de União Europeia e dos EUA

    UE pede aos EUA para excluir empresas do pacote de sanções contra Irã

    © AFP 2018 / GEORGES GOBET
    Europa
    URL curta
    1263

    França, Alemanha e Reino Unido e União Europeia pediram aos EUA que isentem empresas e indivíduos da UE dos efeitos das sanções de Washington contra o Irã.

    "Os ministros das Relações Exteriores e da economia e das finanças da França, Alemanha, Grã-Bretanha, bem como a Alta Representante da União Europeia para os Negócios Estrangeiros e a Política de Segurança decidiram, [em uma carta], solicitar de forma conjunta aos seus colegas americanos, o Secretário de Estado Mike Pompeo e o ministro Stephen Mnuchin, isenção para pessoas jurídicas e indivíduos da UE dos efeitos extraterritoriais das sanções secundárias dos Estados Unidos", disse um representante do governo da UE à Sputnik.

    As bandeiras nacionais dos EUA e do Irã
    © AP Photo / Carlos Barria
    Segundo o funcionário, o pedido inclui "a confirmação de que sanções secundárias não serão aplicadas a produtos farmacêuticos e de saúde", bem como "um pedido de isenção para setores-chave, como energia, setor automotivo, aviação civil e projetos de infra-estrutura". A carta ainda pede para "garantir [permanência de] canais bancários e financeiros".

    Estas medidas, explicou a fonte da agência, "visam reduzir os riscos que as sanções secundárias dos EUA podem representar para as empresas e os operadores econômicos".

    A carta observa que todos os países mencionados "acolheriam com satisfação a abordagem construtiva das autoridades dos EUA sobre essas questões preocupantes".

    Recentemente, a UE voltou a lamentar a decisão dos EUA de se retirar do Plano de Ação Conjunto Global (JCPOA), também conhecido como acordo nuclear com o Irã, e confirmou o compromisso de apoiar o compromisso celebrado, desde que o Irã cumpra suas obrigações.

    Mais:

    Veja lista de empresas europeias que ainda operam no Irã apesar das sanções dos EUA
    Chanceler do Irã critica Pompeo após ameaça de 'sanções mais pesadas da história'
    Estatuto da UE contra sanções dos EUA não protegerão empresas que negociam com o Irã
    Irã diz que sanções dos EUA só fortalecerão os laços com a Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik