23:32 18 Junho 2018
Ouvir Rádio
    Neonazistas na Ucrânia (foto de arquivo)

    Ministro ucraniano invoca para 'queimar Moscou'

    © AP Photo / Sergei Chuzavkov
    Europa
    URL curta
    18416

    Ministro da Infraestrutura ucraniano Vladimir Omelyan chamou a Rússia de "império de bárbaros" e apelou para queimar Moscou, segundo ele postou em sua página do Facebook.

    Continuando com a "metáfora", Omelyan declarou que o objetivo dos bárbaros é a destruição de "tudo o que eles não conseguem conquistar, entender e roubar". Ele também culpou "alguns políticos ocidentais" por continuarem a manter boas relações com a Rússia.

    Além disso, o ministro sublinhou que eles têm sorte que as "hordas moscovitas" ainda não trouxeram fogo às "pacatas ruas europeias". A guerra nunca vai parar, acrescentou.

    "É impossível mudar ou reeducar Moscou — apenas queimar", disse o ministro. 

    Não é pela primeira vez que os políticos ucranianos demonstram o desejo de prejudicar a Rússia. Recentemente, o deputado ucraniano Igor Mosiychuk ameaçou destruir a Ponte da Crimeia.

    Mais:

    Kiev elabora plano de ação contra 'agressão russa' no mar de Azov
    Jornalista da agência de notícias RIA Novosti Ucrânia é detido em Kiev
    Kiev precisa de ordem dos EUA para iniciar provocação militar, diz analista
    Tags:
    ameaça, Moscou, Ucrânia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik