14:10 23 Maio 2018
Ouvir Rádio
    US President Donald Trump escorts British Prime Minister Theresa May after their meeting at the White House in Washington, US, January 27, 2017.

    Trump e Theresa May querem combater 'atividade desestabilizadora' do Irã

    © REUTERS / Kevin Lamarque
    Europa
    URL curta
    EUA se retiram do acordo nuclear com Irã (32)
    1429

    A primeira-ministra do Reino Unido Theresa May e o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, concordaram durante uma ligação telefônica nesta sexta-feira (11) sobre a necessidade de continuar combatendo as atividades desestabilizadoras do Irã no Oriente Médio, segundo informou o gabinete da britânica em comunicado.

    "O primeiro-ministro e o presidente condenaram os ataques com foguetes iranianos contra as forças israelenses no começo da semana e apoiaram com veemência o direito de Israel de se defender contra a agressão iraniana. Eles concordaram com a necessidade de que haja calma por parte de todos os lados e com a importância de se combater a atividade desestabilizadora do Irã na região", diz a declaração.

    May, no entanto, reafirmou o compromisso de Londres com o acordo nuclear iraniano, que os Estados Unidos estão deixando, e observou que o Reino Unido e países europeus garantiriam que o acordo seria mantido "como a melhor maneira de impedir que o Irã desenvolva uma arma nuclear".

    Trump disse no começo da semana que Washington não apenas sairá do acordo, mas restabelecerá as sanções contra Teerã.

    "A primeira-ministra falou sobre o potencial impacto das sanções dos EUA sobre as empresas que atualmente têm negócios no Irã. Eles concordaram em realizar negociações entre nossas equipes", diz o comunicado.

    Tema:
    EUA se retiram do acordo nuclear com Irã (32)

    Mais:

    UE quer liderar após EUA deixarem acordo com Irã, mas oferece mais dúvidas do que soluções
    Ministro turco elogia Teerã: Um Irã forte significa ter uma Turquia forte
    'EUA e Israel de fato começaram guerra em duas frentes contra Irã'
    Irã: silêncio da comunidade internacional incentiva Israel a atacar Síria
    Tags:
    acordo nuclear, Donald Trump, Theresa May, Irã, Estados Unidos, EUA, Reino Unido
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik