14:21 19 Agosto 2018
Ouvir Rádio
    Nikolai Patrushev durante um encontro com Vladimir Putin. Foto de arquivo

    Política dos EUA com a Rússia é de confrontação, diz secretário de Segurança russo

    © Sputnik / Sergei Guneev
    Europa
    URL curta
    450

    Os Estados Unidos mudaram claramente as relações com a Rússia em direção ao uso de duros confrontos e mecanismos abertos de dissuasão, afirmou nesta sexta-feira o secretário do Conselho de Segurança da Rússia, Nikolai Patrushev.

    "A política externa independente da Rússia e a consistente defesa de seus interesses nacionais é vista pelos Estados Unidos como uma ameaça à sua dominação incondicional no mundo", disse Patrushev, dirigindo-se a uma reunião da comissão interdepartamental do Conselho sobre planejamento estratégico.

    "A este respeito, os Estados Unidos mudaram da política de cooperação anteriormente declarada com a Rússia para o uso aberto da dissuasão e das duras ferramentas de confrontação", enfatizou Patrushev.

    As relações entre Washington e Moscou tem se deteriorado nos últimos anos devido a uma série de incidentes, entre eles a a investigação sobre uma suposta intereferência russa nas eleições presidenciais dos EUA, em 2016. Tanto a Rússia quanto o presidente norte-americano, Donald Trump, negam as acusações.

    A dois momentos mais recentes dessa escalada de tensão entre os dois países foram, primeiro, a expulsão pelo lado dos EUA de dezenas de diplomatas após o suposto envenamento do ex-espião russo, Sergei Skripal, no Reino Unido. Os EUA acataram a tese britânica de envolvimento russo no incidente e acompanharam a expulsão de diplomatas feita pela Grã-Bretanha.

    Já na Síria, após acusações de uso de armas químicas pelo governo de Bashar Assad, EUA, Reino Unido e França realizaram um ataque na noite do dia 13 de abril como forma de retaliação. O ataque aconteceu após debates com tensionamento direto entre EUA e Rússia no Conselho de Segurança da ONU.

    Mais:

    Rússia encontra provas do preparo de armas químicas em laboratório terrorista na Síria
    Rússia detecta 18 aviões espiões perto de suas fronteiras em uma semana
    'Putin e Trump nunca permitirão um conflito armado entre Rússia e EUA'
    EUA acusam Rússia e Síria de fazer 'varredura' no local de suposto ataque químico
    Tags:
    relações internacionais, diplomacia, Donald Trump, Nikolai Patrushev, Washington, Moscou, Estados Unidos, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik