22:04 19 Abril 2018
Ouvir Rádio
    Caças americanos F-35

    Avisado e despedido: chefe da Força Aérea alemã é demitido por apoiar compra de caças F-35

    © flickr.com/ US Air Force/Master Sgt. Donald R. Allen
    Europa
    URL curta
    22273

    O general Karl Muellner foi demitido do posto de chefe da Luftwaffe (Força Aérea alemã) por demonstrar-se publicamente favorável à compra de caças norte-americanos F-35 Lightning II.

    Previamente, Muellner já havia se posicionado a favor do F-35 mesmo indo contra a tendência do comando militar da Alemanha de comprar aviões de combate de fabricação europeia para substituir a frota aérea dos Panavia Tornado.

    "Fontes da Luftwaffe me disseram que é muito provável que ele seja demitido se mencionar novamente o F-35", disse o analista militar alemão Christian Thiels no final de janeiro. As autoridades do país estavam irredutivelmente decididas a comprar produtos europeus, segundo o especialista.

    Não está claro se o chefe da Luftwaffe expressou apoio à compra do F-35 novamente depois do anúncio. No entanto, foi relatado que os militares seriam demitidos por terem defendido a compra da aeronave Joint Strike Fighter.

    "A Luftwaffe acredita que as capacidades dos F-35 são o ponto de referência no processo de substituição dos caças Tornado. Creio que já tinha declarado claramente que é o favorito da Força Aérea", disse Muellner em novembro do ano passado.

    A ministra da Defesa da Alemanha, Ursula von der Leyen, assumiu em 17 de março seu segundo mandato seguido por reorganização militar imediata em grande escala. Além de Muellner, vários militares de alto escalão serão demitidos no final de maio.

    Os funcionários do Ministério da Defesa do país europeu pararam de apoiar os caças F-35 em dezembro do ano passado. Eles afirmaram que os caças Eurofighter Typhoon são a primeira opção para a substituição da frota de caças Tornado.

    Mais:

    EUA venderão à Bélgica 34 caças F-35 por US$ 6,53 bilhões
    Alemanha adverte que mísseis com ogivas nucleares de Pyongyang poderiam chegar à Europa
    Tags:
    militares, demissão, caça, compras, Tornado, Eurofighter Typhoon, F-35, F-35 Joint Strike Fighter, Ministério da Defesa da Alemanha, Força Aérea da Alemanha, Luftwaffe, EUA, Alemanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik