20:53 23 Junho 2018
Ouvir Rádio
    Theresa May, primeira-ministra do Reino Unido, fala com uma criança no jardim de infância durante uma visita a uma das duas bases militares britânicas no mediterrâneo do leste, na ilha de Chipre.

    Reformas no Reino Unido podem jogar 1,5 milhão de crianças na pobreza

    © AP Photo / Petros Karadjias
    Europa
    URL curta
    228

    O Reino Unido terá mais 1,5 milhão de crianças abaixo de um "padrão de vida adequado" até 2022 devido a reformas fiscais e de segurança social, disse a Comissão de Igualdade e Direitos Humanos (EHRC, na sigla em inglês) do país em um relatório publicado nesta quarta-feira (14).

    O relatório prevê um aumento dramático nas taxas de pobreza entre famílias monoparentais, famílias com muitas crianças, famílias com pelo menos um adulto com deficiência e uma criança com deficiência e famílias de etnias minoritárias.

    "É decepcionante descobrir que as reformas que examinamos afetam negativamente os mais desfavorecidos da nossa sociedade. É ainda mais chocante que as crianças — a geração futura — sejam as mais atingidas e que muitos serão condenados a começar a vida na pobreza. Não podemos deixar isso continuar se quisermos um Reino Unido mais justo", disse David Isaac, presidente da EHRC e responsável por fazer recomendações ao governo, conforme citado no relatório.

    A Comissão considera que os impactos negativos são principalmente impulsionados por impostos de austeridade e mudanças de benefícios implementadas de 2010 a 2018, "em particular o congelamento das taxas de benefício para pessoas em idade ativa, as mudanças nos benefícios de invalidez e as reduções nas taxas de crédito universal".

    O EHRC também pediu às autoridades que reconsiderassem políticas existentes que afetem financeiramente as pessoas mais desfavorecidas de forma negativa e revejam o nível de benefícios sociais para garantir um nível de vida adequado.

    Mais:

    Reino Unido enchendo Sherlock Holmes de vergonha
    Reino Unido ameaça suspender licença do canal russo RT
    Sem UE: Reino Unido quer negociar tarifas em aço e ferro diretamente com os EUA
    Reino Unido e Arábia Saudita falam em conter o Irã juntos
    Tags:
    pobreza, austeridade, Comissão de Igualdade e Direitos Humanos (EHRC), David Isaac, Reino Unido
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik