17:34 19 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Kiev, capital da Ucrânia, onde Adam Osmayev e Amina Okueva foram vítimas de um ataque a tiros  (foto de arquivo)

    Suspeito de planejar morte de Putin é ferido em tiroteio na Ucrânia

    © AFP 2018 / Vasily Maximov
    Europa
    URL curta
    3176

    Foi ferido nesta segunda-feira, em um tiroteio na Ucrânia, o cidadão checheno Adam Osmayev, acusado de planejar o assassinato do presidente russo, Vladimir Putin. Sua esposa, Amina Okueva, também foi ferida e acabou não resistindo.

    A informação foi divulgada pelo conselheiro do Ministério do Interior da Ucrânia Anton Kherashchenko. Segundo ele, o casal estava em um carro quando foi vítima de um ataque na região de Kiev.

    "O coração da patriota ucraniana Amina Okueva acabou de parar. Seu carro foi alvejado a partir de arbustos em um cruzamento perto da cidade de Hlevakha, na região de Kiev. Como resultado dos ferimentos, Amina morreu. Adam Osmayev foi ferido, mas vai sobreviver. Acabei de falar com ele no telefone", afirmou Kherashchenko. 

    Osmayev e Okueva ganharam notoriedade na Ucrânia ao lutar ao lado das tropas do governo contra as milícias de Donbass, no leste do país. Os dois já haviam sofrido uma tentativa de assassinato no início de junho. 

    Adam Osmayev foi detido em 2012, na cidade ucraniana de Odessa, por planejar o assassinato de Vladimir Putin junto com dois parceiros, o cidadão cazaque Ilia Pianzin e o também checheno Ruslan Madayev, morto após uma explosão acidental no local onde o grupo se reunia para preparar o ataque.

    Mais:

    Condenado por tentativa de assassinato de Vladimir Putin pede clemência
    Tags:
    Ilia Pianzin, Ruslan Madayev, Amina Okueva, Anton Kherashchenko, Adam Osmayev, Odessa, Rússia, Donbass, Hlevakha, Kiev, Ucrânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik