01:11 07 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Instrutores americanos em Donbass

    Donetsk informa sobre instrutores militares da OTAN na linha de contato em Donbass

    © AP Photo / Aleksandr Shulman
    Europa
    URL curta
    11511
    Nos siga no

    Os militares ucranianos enviaram à linha de contato em Donbass grupos de atiradores especiais que vão realizar as operações sob a liderança de instrutores militares da OTAN, informou o vice-chefe do comando operacional da autoproclamada República Popular de Donetsk (RPD) Eduard Basurin.

    "O comando da 28ª brigada mecanizada independente está realizando treinamentos de combate de equipes de atiradores sob direção de instrutores dos EUA […] para no futuro realizarem disparos provocadores contra povoações da república. Segundo os dados da nossa inteligência, seis grupos de atiradores chegaram à área de Dokuchaevsk [cidade controlada pela RPD a vários quilômetros de Donetsk] para realizar missões sob liderança dos instrutores da OTAN", disse Basurin.

    As autoridades da República Popular de Donetsk e da República Popular de Lugansk informaram múltiplas vezes sobre a presença de instrutores militares estrangeiros em Donbass. De acordo com eles, os instrutores treinam os militares da Ucrânia em campos militares na linha de contato em Donbass.

    Em abril de 2014, a Ucrânia iniciou uma operação militar nas províncias orientais de Donetsk e Lugansk, onde foram proclamadas repúblicas populares em resposta ao violento golpe de Estado que ocorreu em Kiev em fevereiro do mesmo ano. Segundo estimativas da ONU, desde o início da crise, as hostilidades resultaram em cerca de 10.100 mortes.

    Mais:

    Político: Ucrânia quer 'opção iugoslava' em Donbass
    Putin a Merkel: Rússia está preparada para expandir as funções da missão da ONU em Donbass
    Donetsk denuncia chegada de franco-atiradores ucranianos a Donbass
    Tags:
    provocação, defesa, atiradores, RPD, Eduard Basurin, Ucrânia, Donbass
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar