11:48 18 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Oficiais da Polícia da Catalunha, Mossos d'Esquadra

    Polícia catalã permanece ao lado dos votantes durante referendo (FOTO, VÍDEO)

    © REUTERS / /Susana Vera
    Europa
    URL curta
    241

    Apesar do caos vivido durante o dia do referendo na Catalunha, muitos cidadãos expressaram sua admiração pela polícia local da Catalunha, os Mossos d'Esquadra, e o comportamento exemplar de seus agentes durante o referendo do 1º de outubro.

    Enquanto a Polícia Nacional da Espanha e a Guardia Civil tentavam desmantelar os centros de votação e impedir que os catalães votassem, os Mossos d'Esquadra tentaram proteger os cidadãos.

    Segundo a Sputnik Mundo, alguns agentes da polícia local não conseguiram permanecer indiferentes perante a violência causada pelas ações das forças de segurança espanholas.

    Uma das imagens mais emotivas do referendo mostra um cidadão de Lleida abraçando um agente da polícia local a chorar.

    "Muitas pessoas foram abraçá-los [os agentes]", assegura Boris Llona, o autor da fotografia.

    Segundo explicou a jornalista Roser Perera, que também foi testemunha desta cena, o agente começou a chorar "devido à intervenção da Polícia Nacional".

    Outro vídeo, gravado no 1º de outubro na Catalunha, mostra uma multidão cantando atrás de uma fileira de policiais.

    Naquele momento, dominado por emoções, um dos policiais catalães começou a chorar e outro cobriu o rosto com a mão para esconder as lágrimas. Neste momento um dos cidadãos vem para acalmá-lo.

    ​Os catalães, para agradecerem o trabalho dos Mossos d'Esquadra, entregaram-lhes cravos de diferentes cores ou decoraram os veículos policiais com estas flores.

    Ao mesmo tempo, pelo menos seis tribunais catalães iniciaram em 1º de outubro processos para investigar se os Mossos d'Esquadra desobedeceram à ordem do Tribunal Superior de Justiça da Catalunha de impedir a utilização de lugares públicos para celebrar o referendo de independência, qualificado como ilegal por Madri.

    Os agentes catalães, por sua parte, afirmaram no seu Twitter que apenas tentaram manter a ordem e proteger as pessoas.

    Mais de 2 milhões de catalães votaram no referendo realizado no domingo, 1º de outubro. Cerca de 90% dos votantes se expressaram a favor da independência da Catalunha.

    O governo espanhol declarou o referendo ilegal e lançou uma violenta operação policial contra os eleitores, que causou ao menos 840 feridos.

    Mais:

    Comissão Europeia: referendo da Catalunha é assunto interno da Espanha
    Parece que Espanha conseguiu provocar a separação da Catalunha
    Tags:
    emoções, apoio, ajuda, polícia, Mossos d'Esquadra, Catalunha, Espanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik