19:55 21 Maio 2018
Ouvir Rádio
    Homem usa uma camiseta com uma bandeira Estelada, símbolo da pró-independência catalã, prepara sua cédula nas eleições parlamentares regionais da Catalunha em Barcelona, setembro de 2015 (foto de arquivo)

    Para escapar da repressão policial, governo catalão ativa site e aplicativo de votação

    © REUTERS / Sergio Perez
    Europa
    URL curta
    Referendo independentista na Catalunha (66)
    140

    O governo catalão lançou um site e um aplicativo móvel para votação, embora as leis locais proíbam a votação on-line.

    Com denúncias de agressão policial, imagens de pessoas sendo arrastadas e fechamento de seções de votação, o governo regional da Catalunha colocou no ar um site e um aplicativo móvel para votação. 

    O governo disse anteriormente que os eleitores poderiam usar o site, criado na plataforma de blogs Wordpress, para votar até as 23:59 da hora local (18:59 horário de Brasília). No entanto, o site ainda não está totalmente disponível e de acordo com as leis catalãs, a votação virtual não é permitida.

    No início do dia, várias estações de voto foram abertas por toda a Catalunha. O governo espanhol está considerando a votação ilegal e tenta tomar medidas para frustrar o referendo. De acordo a mídia local, a polícia recorreu a balas de borracha para dispersar os manifestantes, que tentavam evitar o fechamento das assembleias de voto. 

    O porta-voz do governo catalão, Jordi Turull, disse que pelo menos 460 pessoas ficaram feridas em confrontos com a polícia espanhola.

    Tema:
    Referendo independentista na Catalunha (66)

    Mais:

    Especialista: Catalunha não se separará da Espanha após referendo
    Espanha não acredita na interferência russa na Catalunha
    'Estamos sozinhos perante o mundo': de onde vem insatisfação da Catalunha com Espanha?
    Rússia nega alegações de envolvimento em referendo da Catalunha
    Catalunha denuncia suspensão 'de fato' de seu autogoverno por autoridades espanholas
    Tags:
    separatismo, independência, Referendo de Independência na Catalunha, Wordpress, Polícia da Espanha, Jordi Turull, Catalunha, Espanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik