15:02 20 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Um militar da infantaria motorizada da Frota do Báltico das Forças Armadas russas é visto durante os exercícios Zapad 2017 no polígono Pravdinsky, na região de Kaliningrado, Rússia

    Ucrânia afirma que tropas russas ficaram na Bielorrússia depois dos treinamentos

    © Sputnik / Igor Zarembo
    Europa
    URL curta
    13104
    Nos siga no

    A Rússia deixou uma parte dos seus militares no território da Bielorrússia depois das manobras conjuntas Zapad 2017, declarou o chefe do Estado-Maior ucraniano, general Viktor Muzhenko.

    Segundo ele, a Rússia retirou apenas uma pequena parte dos seus soldados e oficiais depois da realização dos exercícios.

    "Dispomos de informação que eles retiraram apenas alguns destacamentos", afirmou Muzhenko em uma entrevista para a Reuters, acrescentando que a Rússia comunicou sobre a participação das manobras de 3.000 militares seus, mas que na realidade este número era consideravelmente maior.

    Os exercícios conjuntos da Rússia e Bielorrússia Zapad 2017 foram realizados nos territórios de ambos os países de 14 a 20 de setembro. O evento foi observado por mais de 100 adidos militares estrangeiros.

    Em 28 de setembro, o site oficial dos Zapad 2017 informou que o último comboio com militares e armas russos deixou o território bielorrusso.

    Mais cedo, a chancelaria russa havia declarado que as acusações da OTAN contra Moscou sobre as manobras Zapad 2017 são infundadas. O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, chamou por sua parte as acusações sobre a falta de transparência na organização e na realização do evento de provocação.

    O porta-voz da chancelaria russa nos EUA, Nikolai Lakhonin, destacou que os cenários catastróficos em torno das manobras russo-bielorrussas, divulgados pela mídia ocidental, não se justificaram e os exercícios foram realizadas de modo mais transparente possível.

    Mais:

    Defesa polonesa adverte sobre 'armas nucleares de Moscou' nas manobras Zapad 2017
    Rússia desmente informação sobre 'ataque a jornalistas' durante manobras Zapad 2017
    Zapad 2017: ministro bielorrusso pede atividades militares mais transparentes aos vizinhos
    Tags:
    manobras, treinamento, exercício militar, Zapad 2017, Bielorrússia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar