20:27 22 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    561
    Nos siga no

    Jovens, empregados e aposentados foram chamados pelo partido França Insubmissa para se manifestar nas ruas de Paris.

    "Temos de assumir o nosso papel e temos de tomar a iniciativa", disse Alexis Corbière, deputado do partido organizador da ação.

    Vários milhares de pessoas se concentraram no início da tarde na praça da Bastilha em Paris. Os ativistas, com cartazes dizendo "não há nada de bom em Macron" marcharam pela cidade, informa o portal francês 20 minutes.

    Ontem (22) o presidente francês Emmanuel Macron aprovou uma polêmica reforma trabalhista. A reforma do código trabalhista, que visa dar maior flexibilidade às empresas, é uma das prioridades do jovem presidente de 39 anos, que espera melhorar o emprego em França, onde o desemprego atinge 9,6% da população ativa.

    A reforma tem suscitado fortes críticas, tendo o principal opositor do presidente francês, Jean-Luc Mélenchon, líder do França Insubmissa, prometido mais protestos e manifestações a partir de sábado (22).

    Mais:

    Reforma trabalhista azeda relações entre Brasil e Uruguai
    Senado aprova texto da reforma trabalhista
    Oposição recorre ao STF para adiar votação da Reforma Trabalhista
    Tags:
    oposição, reforma trabalhista, protesto, Emmanuel Macron, Paris, França
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar