02:07 20 Novembro 2017
Ouvir Rádio
    Hacker

    Washington Post está preocupado com não intervenção da Rússia nas eleições na Alemanha

    © Sputnik/ Aleksei Malgavko
    Europa
    URL curta
    91983016

    O jornal norte-americano The Washington Post considera a não intervenção da Rússia nas próximas eleições na Alemanha como motivo de preocupação.

    O jornal, famoso pelas suas publicações sobre as "ligações" entre Moscou e a administração de Donald Trump e sobre hackers "russos", publicou um artigo intitulado "Enquanto os alemães se preparam para eleições, há uma pergunta: onde estão os russos?".

    No artigo foi mencionado o incidente de 2015, quando alegados hackers piratearam os computadores do parlamento alemão e roubaram cerca de 16 gigabytes de dados.

    Depois disso, os políticos tiverem medo que os dados secretos fossem publicados e isso levasse a um escândalo.

    "Muitos ficaram preocupados com setembro de 2017 – o período das próximas eleições na Alemanha – considerando-o como uma oportunidade para a Rússia minar mais uma vez o fundamento da democracia ocidental", lê-se no artigo.

    Entretanto, as eleições serão realizadas dentro de duas semanas, mas a alegada "arqui-inimiga" do presidente russo Vladimir Putin, Angela Merkel, está entre os favoritos às eleições e as cartas roubadas ainda não foram divulgadas.

    De ponto de vista do jornal, isso é um mistério também para os políticos e especialistas.

    "Estou preocupado com isso. Por que é que a situação está tão calma? Isso não me parece bem", disse Maksymilian Czuperski, diretor do Laboratório de Pesquisa Forense Digital do Conselho Atlântico.

    Segundo os autores, há três razões para esse comportamento da Rússia. A primeira são os sucessos da Alemanha em questões de cibersegurança. A segunda é a decisão do Kremlin de desistir da intervenção nas eleições alemãs. A terceira é Moscou estar esperando pelo momento certo.

    Mais:

    Novo presidente do Equador chama Julian Assange de 'hacker' e fundador do WikiLeaks reage
    Ataques hacker ‘russos’ aos EUA podem ter sido obra da própria inteligência americana
    Russo descobre que seus servidores foram usados em ataques hacker contra EUA
    Tags:
    intervenção, cibersegurança, eleições, Donald Trump, Vladimir Putin, Angela Merkel, Rússia, Alemanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik