20:51 05 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    Siemens vs Crimeia (9)
    1127
    Nos siga no

    A chancelaria alemã considera que as relações com a Rússia estão sendo ameaçadas pelo último escândalo em torno das entregas de turbinas da empresa Siemens para usinas elétricas da Crimeia.

    O consórcio alemão Siemens anteriormente havia declarado que quatro turbinas destinadas a uma usina em Taman tinham sido transferidas para a Crimeia de modo ilegítimo. A empresa propôs resgatar as turbinas e anular o contrato. Além disso, a Siemens declarou que vai suspender a cooperação com as empresas estatais russas.

    Segundo um representante da chancelaria alemã, citado pela edição Bild am Sonntag, Berlim lembrou Moscou sobre suas obrigações e apontou que tais violações das sanções podem levar ao agravamento das relações entre os dois países.

    Dmitry Peskov, porta-voz do presidente russo, não comentou as informações da mídia alemã de que Vladimir Putin assegurou pessoalmente a Angela Merkel que as turbinas de Siemens não serão entregues à Crimeia.

    Tema:
    Siemens vs Crimeia (9)

    Mais:

    Será que as turbinas da Siemens foram transportadas ilegalmente para a Crimeia?
    'Barreiras da Ucrânia' contra Crimeia dificultam férias de seus cidadãos
    Apesar das sanções: Crimeia recebe delegação oficial da Alemanha
    Tags:
    sanções, cooperação, Siemens, Alemanha, Crimeia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar