10:30 14 Agosto 2018
Ouvir Rádio
    O presidente da Ucrânia, Pyotr Poroshenko, durante coletiva de imprensa em Kiev (arquivo)

    Entra em vigor expansão das sanções ucranianas contra a Rússia

    © Sputnik / Nikolai Lazarenko
    Europa
    URL curta
    628

    O decreto do presidente da Ucrânia que expande as sanções do país contra a Rússia entrou em vigor no início desta quarta-feira, 17.

    A decisão do líder ucraniano, Pyotr Poroshenko, foi publicada no jornal estatal Uryadovy Kuryer. Ela estende tanto a lista das pessoas e entidades afetadas como os termos das medidas restritivas.

    De acordo com o documento, criado pelo Conselho de Segurança e Defesa Nacional da Ucrânia, a nova lista tem 1.228 indivíduos e 468 entidades legais, incluindo grupos de mídia como a agência Rossiya Segodnya e os canais de TV Zvezda, TVC, NTV Plus, RenTV e RBC, entre outros.

    Moscou e Kiev vivem em tensão desde o golpe de Estado que afastou do poder o presidente eleito da Ucrânia Viktor Yanukovich, no início de 2014, seguido pela reintegração da península da Crimeia à Rússia e do início dos conflitos no leste do território ucraniano, onde a Ucrânia acusa a Rússia de interferir diretamente em favor dos rebeldes de Donetsk e Lugansk.

    Mais:

    Poroshenko reitera acusações contra Rússia e pedirá prorrogação das sanções ao G7
    Como economia norte-coreana suporta tantos anos de sanções?
    Tags:
    sanções, Pyotr Poroshenko, Viktor Yanukovich, Moscou, Kiev, Rússia, Ucrânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik