23:02 06 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    0 01
    Nos siga no

    A polícia da Noruega vai verificar a possível conexão entre um jovem natural da Rússia detido em Oslo com o atentado em Estocolmo.

    De acordo com a emissora Noruega NRK, a polícia irá verificar se existe relação entre o jovem  russo de 17 anos detido após o descobrimento de um dispositivo explosivo de produção caseira e o homem de 39 anos que é suspeito de ter feito embater um caminhão contra uma multidão em Estocolmo em 7 de abril.

    "A investigação que efetuamos vai mostrar se há uma conexão com os dois detidos em Estocolmo", disse o representante do Serviço de Segurança Annett Aamodt citado pela edição Svenska Dagbladet.

    No sábado à noite, a polícia de Oslo deteve um jovem suspeito que havia deixado um pequeno objeto debaixo de uma ponte na cidade. O jovem foi levado à polícia e os serviços de segurança da Noruega cercaram a área e realizaram uma explosão controlada do objeto. O detido é natural da Rússia e é requerente de asilo na Suécia.

    Os serviços de segurança relataram que o jovem fabricou um explosivo primitivo de baixa potência. As razões para essa ação ainda não estão claros, o advogado do detido explica que o que aconteceu foi uma "brincadeira infantil", mas as autoridades podem vir a decidir uma punição severa.

    Na sexta-feira (7) à tarde um caminhão atropelou um grupo de pessoas na rua de Drottninggatan — uma das principais ruas pedestres de Estocolmo. O caminhão percorreu 550 metros e colidiu com uma loja do centro comercial Ahlens. Posteriormente se esclareceu que, o carro fora roubado quando o condutor estava fazendo uma descarga. Como resultado da colisão quatro pessoas morreram, 15 pessoas sofreram ferimentos. As autoridades declararam que se tratou de um ataque terrorista. De acordo com a imprensa sueca, o homem de 39 anos, cidadão do Uzbequistão, Rahmat Akilov, suspeito de cometer o ataque terrorista. já confessou o crime.

    Mais:

    Brasil condena atentado em Estocolmo
    Vídeo mostra pessoas fugindo de terrorista do caminhão em Estocolmo
    Preso o segundo suspeito de realizar atentado em Estocolmo
    Tags:
    ataque terrorista, atentado, Oslo, Estocolmo, Noruega, Suécia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar