18:35 03 Abril 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    402
    Nos siga no

    A polícia de Paris usou gás lacrimogêneo para dispersar os manifestantes que marcharam nesta terça-feira (28), pelo segundo dia consecutivo, em protesto contra o assassinato de um homem de origem asiática no fim de semana e contra a brutalidade geral da polícia francesa.

    Na segunda-feira (27), cerca de 200 pessoas, a maioria composta por cidadãos de origem chinesa, tomaram as ruas do norte de Paris para protestar contra o assassinato, por parte da polícia, de um pai de família de 56 anos pertencente à comunidade chinesa local.

    Os protestos degeneraram em violência: três policiais foram levemente feridos por projéteis quando os manifestantes tentaram incendiar a viatura em que os agentes estavam. Vários manifestantes foram presos.

    Shaoyo Liu, pai de cinco filhos, tinha antecedentes psiquiátricos e de violência familiar. Ele foi morto em seu apartamento em Paris pela polícia. Um diplomata francês foi convocado pelas autoridades chinesas em Pequim para dar explicações sobre o caso.

    Mais:

    Multidão protesta em Paris contra violência policial e racismo
    Tags:
    vídeo, gás lacrimogêneo, manifestações, protestos, violência policial, polícia, França, Paris
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar