23:54 14 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Avião de reconhecimento do tipo AWACS

    Interesse ou medo? Mísseis S-400 e Bastion russos fazem aumentar vigilância da OTAN

    © Foto/ Bundeswehr
    Europa
    URL curta
    17332
    Nos siga no

    A OTAN enviou de novo um dos seus aviões de reconhecimento para vigiar a fronteira russa perto da cidade de Kaliningrado. Nesta vez foi o Boeing E-3 Sentry da Força Aérea da França a sobrevoar a fronteira russa no espaço aéreo da Polónia e Lituânia.

    Um avião de reconhecimento AWACS Boeing E-3F da Força Aérea da França efetuou na sexta (24) um voo de reconhecimento no sul do mar Báltico a fim de vigiar o território russo de Kaliningrado, segundo os sites que monitoram os movimentos da aviação militar. 

    Segundo os seus dados, o avião se aproximou da fronteira russa nos arredores de Kaliningrado, voando durante bastante tempo no espaço aéreo da Polônia e da Lituânia. 

    A dado momento, quando sobrevoava a Lituânia, se aproximou da fronteira russa a uma distância de cerca de 30 quilômetros. 

    Este é o primeiro voo do avião francês perto da fronteira russa desde 24 de fevereiro. 

    Ultimamente, aviões militares dos EUA e de outros países-membros da OTAN efetuam com frequência voos de reconhecimento perto das fronteiras russas nas regiões do mar Báltico ou sobrevoando os navios de guerra russos. 

    Mais:

    EUA enviam avião de reconhecimento para avaliar ensaio nuclear norte-coreano
    OTAN qualifica de agressão a instalação de mísseis Iskander em Kaliningrado
    Tags:
    voo de observação, espaço aéreo, aviação civil, monitorar, reconhecimento, Força Aérea, AWACS, Rússia, França
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar