13:37 20 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Agentes dos serviços de emergências ajudam no socorro às vítimas do ataque na ponte de Westminster, em Londres

    Número de mortos em ataque na capital britânica sobe para cinco

    © REUTERS / Eddie Keogh
    Europa
    URL curta
    Atentado em Londres (12)
    543
    Nos siga no

    As autoridades do Reino Unido informaram que foram confirmados até agora cinco mortos no atentado ocorrido hoje em Londres, perto do parlamento britânico. Mas o número de vítimas ainda pode aumentar.

    De acordo com o vice-comissário da Polícia Metropolitana, Mark Rowley, as vítimas seriam um agente de segurança, identificado como Keith Palmer, o próprio assassino, que não teve a identidade revelada, e três civis. Sem dar detalhes sobre a investigação, Rowley disse que a polícia ainda está tentando entender a motivação do responsável pelo ataque, mas acredita que ele pode ter se inspirado no terrorismo internacional. 

    "Até este momento, mas isso pode mudar, acreditamos que, aproximadamente, 40 pessoas ficaram feridas, incluindo três policiais, dos quais dois estão em estado grave", afirmou. 

    Ainda segundo o comissário, centenas de agentes estão trabalhando na investigação do atentado, a polícia está ouvindo o depoimento do maior número de testemunhas possível e está recolhendo as imagens capturadas pelos circuitos de câmeras da região para ter uma ideia mais clara dos acontecimentos.

    "Como em todas as investigações dessa natureza, essa vai levar o tempo que for necessário para reunir todas as evidências relevantes."

    Nesta quarta-feira, a capital inglesa viveu momentos de caos quando um homem atropelou uma série de pessoas na ponte de Westminster, na Praça do Parlamento, e atacou com uma faca alguns guardas que vigiavam a entrada para a Câmara dos Lordes e a Câmara dos Comuns. Em seguida, ele acabou sendo morto a tiros por outro guarda. Durante boa parte do dia, o prédio do parlamento foi mantido fechado. Só agora, à noite, a polícia autorizou a sua reabertura.

    Tema:
    Atentado em Londres (12)

    Mais:

    Trump promete ajudar Reino Unido a responder ao ataque terrorista em Londres
    Tags:
    ataque, atentado, Mark Rowley, Westminster, Reino Unido, Londres, Inglaterra
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar