13:23 21 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Vista da baía de Balaklava na cidade de Sevastopol

    General ucraniano sugere sacrificar Sevastopol para poder recuperar Crimeia

    © Sputnik / Vladimir Sergeev
    Europa
    URL curta
    Escalada da tensão militar na Ucrânia (32)
    25316

    O ex-chefe do Estado-Maior das Forças Armadas da Ucrânia, tenente-general Yury Dumansky, acha que Kiev poderia "deixar" a cidade de Sevastopol para a Rússia por um "período transitório" com o objetivo de conseguir recuperar a Crimeia.

    "Podemos, por exemplo, deixar Sevastopol, aquela cidade principal que abriga a Frota do Mar Negro da Rússia, por um período transitório", informou Dumansky em entrevista à edição ucraniana Apostrof ao responder sobre como a Ucrânia pretende recuperar a península.

    Vale lembrar que essa não é a primeira sugestão por parte da Ucrânia de realizar uma troca. Antes, a deputada da Suprema Rada Nadezhda Savchenko, disse que existe a possibilidade da Ucrânia conseguir o Donbass de volta caso Kiev ceda a Crimeia a Moscou. Em resposta, o porta-voz do presidente russo Dmitry Peskov, deixou claro que a Crimeia "é um assunto absolutamente indiscutível".

    A Crimeia se reunificou com a Rússia depois de um referendo realizado na península em março de 2014. Segundo os seus resultados, 96,77% dos residentes da Crimeia e 95,6% dos residentes de Sevastopol se manifestaram a favor de reunificação com a Rússia.

    Tema:
    Escalada da tensão militar na Ucrânia (32)

    Mais:

    Navio de desembarque Korolev retorna a Sevastopol após missão na Síria
    Sevastopol: cidade de glórias marítimas, rica em história e com um futuro brilhante
    Tags:
    cidade, entrevista, referendo, troca, península, Suprema Rada, Frota do Mar Negro, Dmitry Peskov, Nadezhda Savchenko, Moscou, Donbass, Kiev, Ucrânia, Rússia, Sevastopol, Crimeia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik