15:03 23 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    110
    Nos siga no

    O primeiro-ministro da Itália, Matteo Renzi, deverá renunciar ao cargo no caso de derrota no referendo do próximo domingo, sobre a reforma constitucional. Quem afirmou isso foi o ministro italiano dos Transportes, Graziano Delrio, nesta sexta-feira.

    "Eu acredito que Renzi irá ao chefe de Estado entregar a sua carta de renúncia", disse Delrio durante um programa de televisão

    O premier da Itália é um dos principais defensores da proposta de reforma que, se aprovada, mudará profundamente o sistema político do país, tendo como um dos principais pontos a transformação do Senado em uma espécie de órgão consultivo.

    Além de Delrio, outras autoridades também acreditam que Renzi abandonará o cargo se a reforma for rejeitada pelo povo. No entanto, existe a expectativa de que o presidente italiano, Sergio Mattarella, tente convencê-lo a permanecer no governo para garantir a estabilidade política no país. 

    Mais:

    Itália lidera oposição a novas sanções contra a Rússia
    Itália está nas mãos da OTAN?
    Itália e Líbia fecham acordo sobre medidas contra crise migratória
    Tags:
    reforma constitucional, Graziano Delrio, Sergio Mattarella, Matteo Renzi, Itália
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar