15:25 12 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    0 0 0
    Nos siga no

    A menina foi sido confundida com a britânica desaparecida desde 2007, foi identificada. Trata-se da sueca Embla Jauhojärvi, que fazia intercâmbio na Itália.

    Não foi desta vez que encontraram Madeleine McCann. Boatos na internet davam conta de que uma jovem andarilha poderia ser a menina britânica, desaparecida desde 2007 depois de um passeio com a família na Praia da Luz, em Portugal.

    A Polícia romana destacou uma delegacia com o objetivo de descobrir a origem da jovem e confirmaram: trata-se de uma sueca de 21 anos que estava sumida desde maio passado. A informação é da Agência ANSA.

    Embla Jauhojärvi nasceu em Estocolmo, capital da Suécia e se mudou para a Itália há seis meses para estudar italiano. Ela sofre de síndrome de Asperger, um transtorno similar ao espectro do autismo. A quem a indagava na rua, Jauhojärvi dizia se chamar Maria e se comunicava apenas em inglês, o que levantou a suspeita de que Maria poderia ser, na verdade, Madeleine.

    Depois de prestar depoimento, Embla sumiu novamente. Um homem, identificado como Tahvo, procurou o jornal britânico "Daily Mail" e disse que a jovem é  sua filha. A Polícia romana tenta localizá-la novamente. Enquanto isso, o mistério em torno de Madeleine McCann continua em aberto: a garota teria hoje 13 anos de idade.


    Tags:
    Polícia de Roma, Daily Mail, Embla Jauhojärvi, Madeleine McCann, Praia da Luz, Estocolmo, Roma, Portugal, Itália
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar