02:53 30 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    21114
    Nos siga no

    A ministra da Defesa da Alemanha, Ursula von der Leyen, informou que o candidato eleito à presidência, Donald Trump, deve tomar uma posição firme com relação à Rússia em questões-chave da política externa para os EUA e seus aliados.

    "Donald Trump precisa concretizar que lado defende – se ele defende o lado da verdade, da ordem global e da democracia, ou se ele está tentando estabelecer uma espécie de amizade", comunicou a ministra ao canal local de televisão ZDF na quinta-feira (10).

    Na opinião de von der Leyen, a Rússia e os países do Ocidente apresentam posturas contraditórias sobre um leque de assuntos de importância mundial, inclusive no que diz respeito à reunificação da Crimeia com a Rússia e ao bombardeio da cidade síria de Aleppo.

    Ao mesmo tempo, a ministra assinalou que a OTAN não é uma iniciativa de negócio, pedindo a Trump para não tratá-la de tal forma.

    Ao longo da sua campanha eleitoral, Trump reiterou várias vezes que pretende rever as relações entre os EUA e os aliados da OTAN, destacando que eles devem pagar um preço justo para que os EUA garantam a segurança deles.

    Donald Trump venceu as eleições presidenciais de 8 de novembro nos EUA, contrariando as previsões e derrotando sua principal rival, a candidata democrata, Hillary Clinton, que vinha sendo apontada como favorita nas últimas pesquisas de intenção de voto. A posse de Trump está marcada para 20 de janeiro.

    Mais:

    Avô de Trump foi migrante ilegal da Alemanha
    Política econômica de Trump estará entre o fogo e a frigideira
    Apoiador de Trump no Brasil: 'Vitória deve servir como uma grande lição'
    Tags:
    verdade, postura, amizade, democracia, ZDF, OTAN, Ursula von der Leyen, Donald Trump, Aleppo, Crimeia, Ocidente, Alemanha, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar