07:19 22 Maio 2018
Ouvir Rádio
    Forças ucranianas atuando em Donbass

    Kiev acorda troca de prisioneiros com Donetsk e Lugansk

    © Sputnik / Dan Levy
    Europa
    URL curta
    Ucrânia em foco da política internacional (289)
    0 10

    As autoproclamadas repúblicas populares de Donetsk e Lugansk (LNR e DNR nas siglas respectivas) fecharam um acordo com as autoridades ucranianas sobre troca de prisioneiros.

    O formato em que os prisioneiros serão trocados é de "618 por 47", informou a representante da LNR para apoio humanitário Olga Kobtseva.

    "No âmbito do cumprimento dos pontos cinco e seis do Complexo de medidas para a implementação dos Acordos de Minsk, foi atingido um acordo para a realização da troca entre LNR, DNR e Ucrânia. À Ucrânia nós entregamos 47 pessoas e em troca recebemos 618 pessoas. Este acordo foi registrado na reunião do grupo de contato de 21 de setembro", disse.

    As palavras da representante foram divulgadas pelo centro de informação de Lugansk.

    Kobtseva sublinhou especificamente que atualmente no território das autoproclamadas repúblicas há 47 pessoas por quem Kiev está realizando buscas, deles 42 estão na DNR e cinco na LNR.

    Lembramos que atualmente o território de Donbass, que inclui as autoproclamadas repúblicas de Donetsk e Lugansk, vive em regime de cessar-fogo, mas as partes do conflito armado declaram que há violações constantes da trégua.

    As razões principais para ações militares no território apareceram ainda em abril de 2014, quando o governo da Ucrânia lançou uma operação militar contra as autoproclamadas repúblicas populares, que declararam independência depois de um golpe de Estado na Ucrânia, em fevereiro de 2014. Segundo dados da ONU, mais de 9,5 mil pessoas foram vítimas do conflito.

    Tema:
    Ucrânia em foco da política internacional (289)

    Mais:

    Grupo de Contato para a Ucrânia assina acordo sobre retirada de forças de Donbass
    Autoridades de Lugansk temem possíveis futuros ataques ucranianos
    Tags:
    troca de prisioneiros, cessar-fogo, Lugansk, Donetsk, Ucrânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik