10:10 19 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Federica Mogherini, alta representante da UE para Política Externa e Segurança

    Mogherini: UE não reconhece eleições russas na Crimeia

    © AP Photo/ Geert Vanden Wijngaert
    Europa
    URL curta
    61163217

    A União Europeia se recusou a reconhecer as eleições parlamentares russas na Crimeia, reintegrada há mais de dois anos à Federação Russa, por não reconhecer a península como parte da Rússia.

    De acordo com a alta representante da UE para Política Externa e Segurança, Federica Mogherini, o bloco europeu "não reconheceu a anexação ilegal da Crimeia e de Sevastopol pela Federação Russa, e, por isso, não reconhece a realização de eleições na península". 

    No último domingo, os russos escolheram os representantes para a Duma de Estado, a câmara baixa do parlamento. As eleições, realizadas em todo o país, incluindo a Crimeia, e também nas representações diplomáticas russas no exterior, foram vencidas pelo partido do presidente Vladimir Putin e do premier Dmitry Medvedev, o Rússia Unida, que conquistou 343 dos 450 assentos assentos na Casa. 

    Mais:

    Putin e Medvedev declaram vitória nas eleições parlamentares da Rússia
    Tags:
    União Europeia, Rússia Unida, Dmitry Medvedev, Vladimir Putin, Federica Mogherini, Sevastopol, Europa, Crimeia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik