11:37 17 Agosto 2018
Ouvir Rádio
    Tite, técnico da seleção brasileira, gesticula durante entrevista coletiva.

    Ranking da FIFA apimenta rivalidade e amistoso entre Brasil e Alemanha

    © AP Photo / Silvia Izquierdo
    Esportes
    URL curta
    640

    A FIFA divulgou nesta quinta-feira (15) a atualização de seu ranking de seleções, e a Alemanha continua na frente do Brasil.

    A rivalidade costurada entre as duas seleções após a derrota do Brasil, em casa, por 7x1 na semifinal da Copa do Mundo de 2014 ganha ainda mais tempero.

    Em setembro de 2017, o Brasil perdeu a primeira posição do ranking para o algoz alemão e agora corre atrás do prejuízo. Desde então, as duas seleções figuram na liderança do ranking da organização internacional de futebol.

    Nas próximas semanas o Brasil participará de 2 amistosos internacionais e pode reverter essa situação contra a atual campeã mundial. No dia 23 de março, o Brasil enfrenta a Rússia, em Moscou, e quatro dias depois enfrenta a Alemanha em Berlim, no dia 27. 

    Será a segunda vez que os países se enfrentam após o vexame brasileiro no Mineirão. No entanto, será a primeira vez em uma competição com as seleções principais e em um evento da FIFA, já que o confronto das Olimpíadas não tinha os jogadores principais das duas equipes.

    O ranking

    Como já de costume, europeus e sul-americanos dominam as primeiras colocações do ranking.

    A Alemanha se mantém na liderança, enquanto o Brasil vem em segundo e Portugal e Argentina estão na terceira e quarta colocações respectivamente. Completam em ordem o top 10,  Bélgica, Polônia, Espanha, Suíça, França e Chile.

    As posições entre os 10 primeiros colocados quase não se alteraram. A única exceção foi a Polônia, que subiu uma colocação e agora está em 6º junto com a Espanha. As poucas surpresas ficaram para as seleções mais distantes do topo.

    As maiores variações no ranking foram de seleções que não estarão na Copa do Mundo. A República Tcheca, que subiu 3 posições e chegou ao 43º lugar, da China, que subiu 3 colocações e chegou à 65ª posição, do Líbano, que variou negativamente 5 posições e foi ao 87º lugar, de Israel, que subiu 4 colocações e está agora em 94º e do Arzebaijão, que despencou 8 colocações e chegou ao 127º lugar. A maior variação positiva foi a de Andorra, que chegou ao 130º lugar subindo 7 posições.

    O ranking da FIFA figura um total de 206 seleções nacionais e é atualizado mensalmente.

    Veja abaixo as colocações e os pontos das seleções no ranking:

    1 — Alemanha, 1.609 pontos

    2 — Brasil, 1.489

    3 — Portugal, 1.360

    4 — Argentina, 1.359

    5 — Bélgica, 1.337

    6 — Espanha, 1.228

    6 — Polônia, 1.228

    8 — Suíça, 1.197

    9 — França, 1.185

    10 — Chile, 1.161

    Mais:

    Fifa deve confirmar uso de árbitro de vídeo na Copa da Rússia
    Irã promete liberar acesso de mulheres aos estádios, diz Fifa
    Fifa pretende utilizar árbitro de vídeo na Copa do Mundo
    Presidente da FIFA Infantino: a Copa de 2018 na Rússia será a melhor de sempre
    Tags:
    Copa do Mundo Rússia 2018, futebol, FIFA, Alemanha, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik