07:25 15 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Jogador do Lokomotiv, Deyan Stankovich, disputa a bola com jogador do Cristal, durante a final do Campeonato da Rússia, agosto de 2012 (Arquivo)

    Futebol de areia: presidente do Lokomotiv revela o segredo do sucesso do futebol russo

    © Sputnik / Vadim Zhernov
    Esportes
    URL curta
    1 0 0
    Nos siga no

    Sputnik Brasil conversou com o presidente do time de futebol de areia do Lokomotiv sobre a situação do esporte na Rússia. A equipe está no Brasil para participar do 5º Mundialito de clubes de beach soccer.

    Este ano a sede do Torneio Internacional de clubes de futebol de areia — 5º Mundialito de clubes de beach soccer — é a cidade de Vargem Grande Paulista, na região metropolitana de São Paulo. O evento será realizado entre os dias 14 e 17 de dezembro. 

    A arena da cidade receberá oito clubes de todo o mundo. O Brasil será representado por Corinthians, campeão em 2013, Flamengo, vice-campeão em 2012 e 2013, e Botafogo, quarto colocado em 2013.

    Entre os times internacionais estão o Lokomotiv (Rússia), campeão em 2012, Sporting (Portugal), o vice-campeão em 2011, Levante (Espanha), Rosario Central (Argentina) e Pars Jonoubi (Irã).

    Pelo sistema de disputa do campeonato, os clubes se enfrentam entre si dentro de dois grupos. E as duas melhores equipes vão se classificar para a decisão.

    A Sputnik Brasil aproveitou a oportunidade para conversar com Vitaly Pogodin, presidente do time de futebol de areia do Lokomotiv, que contou sobre a situação do esporte na Rússia e revelou o por quê do futebol de areia ser tão popular em seu país. 

    O dirigente afirmou que todo o futebol na Rússia, inclusive o futebol de areia, está sob a égide da União de Futebol da Rússia (UFR). Dessa forma, a estrutura da federação permite realizar uma abordagem mais profissional.

    "É um dos motivos da Rússia ser tão bem representada nesse tipo de esporte. O sistema da UFR permite financiar de modo permanente a seleção, realizar treinos, pagar prêmios aos jogadores, e isso é uma grande vantagem", explicou.

    O futebol de areia se revelou ser um esporte muito popular na Rússia, mesmo com todo o frio e poucas praias. Pogodin revelou o segredo.

    "Também temos algumas praias, mas adotamos outro sistema. O futebol de areia, como demonstra a prática, é um esporte universal. Não precisamos de praias. A gente constrói estádios especiais, forramos o piso com areia, de 40 a 50 centímetros, e realizamos campeonatos. A praia é muito mais confortável, é claro. Se tivéssemos praias tão maravilhosas como no Brasil, com certeza seríamos ainda mais competitivos", brincou.

    A estrutura e o profissionalismo e um forte campeonato nacional de clubes são a fórmula para o sucesso, segundo o interlocutor da Sputnik. 

    "Segundo avaliação dos especialistas o campeonato [de clubes] russo de futebol de areia é um dos mais difíceis no mundo", afirmou o especialista, que também comemorou o fato de muitas pessoas acompanharem os torneios, demonstrando um grande interesse.

    Além disso, se trata de um campeonato com grandes jogadores do mundo todo, inclusive do Brasil. 

    "Este ano tivemos uma situação engraçada. O treinador da seleção brasileira veio [para a Rússia] com dois goleiros e convocou a seleção em Moscou, onde permaneceram por três dias. Depois o time viajou para Portugal, onde venceu o Mundialito, e depois todos voltaram para os respectivos clubes na Rússia. Quase 95% da seleção brasileira joga em clubes russos".

    O próprio clube do Lokomotiv conta com três brasileiros, que ajudaram o time a vencer a liga russa deste ano. A participação dos atletas, no entanto, não foi confirmada para esse evento por questões contratuais.

    O dirigente, no entanto, está confiante para o torneiro.

    "Temos um time forte", afirmou o entrevistado, sem esconder o orgulho.

    Mais:

    Festival de filmes de futebol no Rio faz 'aquecimento' para Copa do Mundo da Rússia
    O que fazer na cidade de Rostov-no-Don além de assistir futebol em 2018?
    Seleção brasileira de futebol aprende russo para mostrar 'fintas linguísticas' na Copa
    Rússia cria organismo para combater racismo e discriminação no futebol e distribui multas
    Tags:
    futebol de areia, Vitaly Pogodin, Vargem Grande Paulista, São Paulo, Rússia, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar