23:07 16 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Esportes
    URL curta
    101
    Nos siga no

    O Ministro da Defesa, Raul Jungmann, revelou que o programa piloto das Forças Armadas para incentivo aos atletas paralímpicos será ampliado. O programa, que tem o título provisório de João do Pulo (ex-atleta do salto em distância que foi cabo do Exército), conta atualmente com dez pessoas.

    Segundo o Ministro da Defesa, “o objetivo é que o programa tenha tanta expressão e resultado de modo a proporcionar aos atletas paralímpicos os mesmos rendimentos e resultados que os atletas militares estão obtendo nas Olimpíadas.”

    O Ministro lembrou que, das 15 medalhas conseguidas pelo Brasil até sexta-feira nos Jogos Rio 2016, 12 são de atletas militares, incluindo as cinco medalhas de ouro. Com isso, a meta de dobrar as cinco medalhas dos atletas militares conquistadas em Londres 2012 foi superada.

    Em relação ao programa de incentivo aos atletas paralímpicos, Raul Jungmann observou:

    “É preciso adequar equipamentos e a parte de apoio pela especificidade do caráter paralímpico. Também é necessário preparar editais voltados para atletas paralímpicos e de forma profissional, de modo a que se possa contar com treinadores e preparadores que possuam expertise paralímpica.”

    Segundo Raul Jungmann, os recursos para continuidade do programa foram negociados com o Ministério do Planejamento e estão garantidos.

    Mais:

    Comitê lamenta exclusão da delegação russa nos Jogos Paralímpicos, mas acata decisão
    Rússia recorre contra exclusão de atletas paralímpicos dos Jogos no Rio
    Tags:
    Rio 2016, Jogos Paralímpicos, Ministério da Defesa, Raul Jungmann, Brasil, Rio de Janeiro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar